Estudante do 7º ano morre electrocutada

7/02/2017 07:21 - Modificado em 7/02/2017 07:21
| Comentários fechados em Estudante do 7º ano morre electrocutada

Nedilsa Ramos Tavares de apenas doze anos perdeu a vida na tarde do passado domingo, dia 05, na sequência de uma electrocussão. De acordo com Beti, tia da vítima, o acidente aconteceu quando a estudante do 7º ano resolveu ligar um esquentador para aquecer água para o banho e acabou por ser atingida por uma corrente eléctrica. O corpo da criança encontra-se no hospital onde aguarda pela autópsia para depois ser devolvido aos familiares.

Nedilsa Ramos Tavares de 12 anos residia na zona da Várzea, Cidade da Praia. A tragédia ocorreu quando a vítima resolveu aquecer a água com um esquentador eléctrico e acabou por ser atingida por uma corrente eléctrica que lhe roubou a vida.

O corpo da estudante foi encontrado no chão da cozinha. Contactada pelo NN, Beti, tia da vítima, conta transtornada que o acidente aconteceu por volta das 15 horas quando a criança se preparava para o banho.

O irmão conta que ao entrar na cozinha deparou-se com a irmã caída no chão a tremer. Ao aperceber-se que a mesma estava a ser electrocutada, desligou de imediato o aquecedor mas, infelizmente, o mesmo estava cravado no lado esquerdo do peito da vítima.

Ainda inanimada, tentou socorrê-la mas a mesma não resistiu aos ferimentos tendo falecido ainda no local do acidente. O corpo foi conduzido ao hospital Agostinho Neto onde aguarda pela autópsia. Nedilsa que estudava no sétimo ano de escolaridade no Liceu da Várzea é recordada pelos colegas como “uma aluna, estudiosa, respeitadora e muito educada”.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.