Porto Novo: Dois suspeitos detidos por terem violado e esfaqueado uma mulher no local de trabalho

3/02/2017 08:13 - Modificado em 3/02/2017 08:13
| Comentários fechados em Porto Novo: Dois suspeitos detidos por terem violado e esfaqueado uma mulher no local de trabalho

Moradores na cidade do Porto Novo, em Santo Antão, estão apreensivos após um guarda ter sido atacado à pedrada e uma mulher violada e agredida no local de trabalho. Estes episódios de violência ocorreram nas duas últimas semanas de Janeiro e alguns residentes contam que estão com medo, principalmente à noite.

Um clima de insegurança instalou-se no Porto Novo, onde na semana passada uma mulher foi violada e esfaqueada no local de trabalho. A vítima está a recuperar no hospital Baptista de Sousa, no Mindelo, tendo sido transferida depois de alguns dias de internamento no hospital regional João Morais, na Ribeira Grande. No entanto, os dois suspeitos de terem violado e esfaqueado a mulher e ainda acusados de roubo, aguardam o julgamento na cadeia regional de Santo Antão, em Ponta do Sol.

Outro caso que veio a aumentar o sentimento de medo nalguns moradores, foi o ataque a um guarda do ex-ciclo preparatório, onde funciona um dos pólos educativos da cidade do Porto Novo. O mesmo foi atacado à pedrada por indivíduos que, ao que tudo indica, pretendiam roubar nesse local, de acordo com a Inforpress.

O ataque aconteceu na madrugada de ontem e o guarda surpreendeu os homens no local e estes agrediram-no com pedras, tendo sido atingido na cabeça. O guarda está em observação nos serviços de urgências do centro de saúde do Porto Novo.

As autoridades locais avançam que estão a investigar o caso do ataque à pedrada do guarda do ex-ciclo preparatório, onde funciona um dos pólos educativos da cidade do Porto Novo.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.