Cinco jovens condenados a um ano de prisão pelo crime de roubo

2/02/2017 08:30 - Modificado em 2/02/2017 08:30
| Comentários fechados em Cinco jovens condenados a um ano de prisão pelo crime de roubo

O 1º Juiz Crime do Tribunal da Comarca de São Vicente condenou, esta quarta-feira, cinco jovens de Chã de Alecrim e de Alto Bomba, acusados da prática de roubo, a uma pena de um ano de prisão, mas ficam isentos de cumprirem a pena.

 

O julgamento levou cinco jovens com idade compreendida entre os 19 e os 27 anos, todos elementos de um grupo que efectuou um assalto em Maio de 2012 a uma oficina ateliê. Entre eles, encontra-se um jovem de 22 anos, actualmente a cumprir pena de prisão efectiva na Cadeia Central da Ribeirinha.

De acordo com os factos apresentados em Tribunal, os jovens assaltaram o local e subtraíram diversas ferramentas, entre as quais, máquinas de solda, berbequim eléctrico, e outras que, ao serem restituídas, foram avaliadas em cerca de 167 mil escudos.

Durante a sessão, os arguidos confessaram o crime assumindo a culpa dos actos e, apesar de alguns deles afirmarem que não se lembravam de nada, quase todos foram unânimes no relato dos acontecimentos, o que serviu de atenuante à pena.

Todos foram categóricos em afirmar que a ideia do roubo pertenceu a outro membro que não apareceu no Tribunal e que também não foi encontrado pela Polícia. Estes afirmaram que escalaram o muro que protegia a oficina, formado por dois contentores, e arrebentaram os cadeados, conseguindo, desta forma, entrar no local.

De acordo com o dono do local, na altura dos acontecimentos foi constatado que quase todas as máquinas foram roubadas e para tratar do caso entrou em contacto com a Polícia Judiciária, mas as ferramentas foram recuperadas pela Polícia Nacional que conseguiu restituir-lhe 90% das ferramentas subtraídas.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.