Navio “Liberdadi” sofre acidente durante manobra de atracagem no porto de Vale dos Cavaleiros

17/01/2017 08:10 - Modificado em 17/01/2017 08:10
| Comentários fechados em Navio “Liberdadi” sofre acidente durante manobra de atracagem no porto de Vale dos Cavaleiros

As viagens marítimas entre as ilhas de Santiago, Brava e Fogo estão condicionadas por causa de um acidente sofrido pelo navio Fast Ferry durante a manobra de atracagem no porto de Vale dos Cavaleiros, na ilha do Fogo. Segundo a agência de notícias Inforpress, as causas do acidente têm a ver com “uma falha momentânea no comando, o que originou danos no bico da proa do navio”.

Tudo terá ocorrido na manhã desta segunda-feira, 16, quando durante o processo de atracagem no cais da ilha do Fogo, o navio embateu numa rampa roll-on/roll-off, provocando danos na embarcação.

Marino Rodrigues, Delegado da Agência Marítima Portuária (AMP), avançou à Inforpress que de acordo com o relato do comandante do navio, as causas do acidente têm a ver com “uma falha momentânea no comando, o que provocou danos no bico da proa do navio”.

O navio está impossibilitado de realizar viagens até que a avaria seja resolvida. Enquanto isso, a embarcação deverá permanecer no porto de Vale dos Cavaleiros. Ainda de acordo com a agência de notícias, uma equipa técnica proveniente de São Vicente encontra-se na ilha do Fogo no sentido de fazer a reparação.

 

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.