Polícia iraquiana descobre prisões do Estado Islâmico em Mossul

9/01/2017 08:34 - Modificado em 9/01/2017 08:34
| Comentários fechados em Polícia iraquiana descobre prisões do Estado Islâmico em Mossul

A polícia federal iraquiana descobriu este sábado prisões do autoproclamado Estado Islâmico a sudeste de Mossul, Iraque, durante uma inspeção realizada dois dias após a tomada do bairro de Al Uehda.

Um responsável da polícia federal iraquiana disse à agência de notícias espanhola EFE que os agentes policiais “descobriram várias prisões e uma pequena clínica do Estado Islâmico (EI)”, no decorrer da operação de limpeza dos vestígios e das marcas deixadas pelo grupo terrorista naquela zona.

Raid Shaker Yaudat explicou que, no interior das prisões, havia celas de isolamento e câmaras de tortura, enquanto “a pequena clínica improvisada” servia para guardar material cirúrgico e tratar os elementos do grupo Estado Islâmico feridos.

O comandante das unidades da polícia federal iraquiana sublinhou ainda que, nos últimos combates, “têm sido mortos dezenas de membros do EI”, mas não especificou o número.

A polícia iraquiana continua a enfrentar a resistência do EI na periferia, sobretudo a norte do bairro de Al Uehda, estando a menos de quilómetro de meio da margem do rio Tigre.

As forças iraquianas e os rebeldes curdos lançaram na semana passada uma nova ofensiva para recuperar Mossul, o último bastião do EI no Iraque.

jn.pt

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.