Perfil dos agressores sexuais: condenados, não têm acompanhamento psicológico

15/12/2016 08:05 - Modificado em 15/12/2016 08:05
| Comentários fechados em Perfil dos agressores sexuais: condenados, não têm acompanhamento psicológico

agressãoNas cadeias do país, vinte por cento dos detidos cumpre pena por violação sexual, segundo o estudo agora revelado sobre o perfil do agressor sexual em Cabo Verde. São homens com idade compreendida entre os dezoito e os setenta anos.

Segundo revela o estudo, os agressores sexuais são pessoas que estão perto das famílias “que ganham a confiança dos protectores das crianças”, como explica a consultora Francisca Freira. “Tivemos um número altíssimo de violadores intra familiares, pais, padrastos, cunhados, como a presença dos vizinhos muito forte, professores e guardas da escola”. Para a consultora, as crianças “precisam de muito cuidado. Temos de estar perto das crianças e atentos aos sinais que nos mandam”.

Voltando ao perfil dos agressores sexuais, Freira acrescenta que são pessoas que “viveram situações repetidas de violência e de agressividade, situações de violência sexual e que na infância foram violadas”. Mesmo não havendo na cadeia actualmente mulheres a cumprir pena por violação sexual, diz que muitos dos agressores relatam que foram no passado violados por mulheres.

Mas como revela, as penas aplicadas não têm sido um factor inibidor da prática dos crimes. “Estes criminosos estão a cumprir a própria pena, o tempo está próximo do mínimo. E não tem funcionado como um inibidor dos próprios crimes. São pessoas que estão na cadeia, não estão a receber nenhum apoio psicológico”. A consultora avança uma incógnita do que pode acontecer quando eles forem libertados, não sabendo se tornarão às crianças, os mais vulneráveis, ou não.

Em relação às vítimas, noventa e cinco por cento são meninas e cinco por cento rapazes. As vítimas têm idade compreendida entre os três e os dezasseis anos, com uma predominância na faixa dos dez aos catorzes, como explica a consultora.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.