Cantora, Carliny Diaz pede ajuda no lançamento do seu primeiro Álbum Musical

8/12/2016 08:52 - Modificado em 8/12/2016 08:52

carliny-diaz-2Carliny Diaz, de 27 anos de idade, é vocalista do Grupo “Voz de Salamansa” e hoje luta para o lançamento do seu primeiro álbum musical.  

A cantora diz ter-se apaixonado pela música aos 13 anos de idade quando ouviu uma música de Wanessa Camargo, onde acabou por converter a letra da música em crioulo e começou a cantar.  

“Antes confesso que queria dançar, até a minha mãe queria colocar-me na escola de dança, mas com o passar dos anos, aos 13 anos de idade percebi que queria ser cantora e não dançarina. Então comecei a cantar em casa. A minha primeira música que cantei enquanto criança e da qual mudei a letra para o crioulo, foi uma música de Wanessa Camargo. Os meus familiares ficaram emocionados e disseram-me que tinha talento no mundo da música”, conta.

Aos 17 anos, Carliny Diaz, encontrou-se com o artista Zé Rui, músico e compositor, que acabou por incentivar a cantora a não desistir da música por considerar que ela tinha talento.

“Hoje agradeço ao Zé Rui pelo incentivo dado na altura, quando pensei desistir completamente da música por me sentir desencorajada por não ter meios financeiros para progredir no mundo da música. Entretanto, nessa altura, acabei por gravar 8 faixas no estilo zouk mas não adiantou de nada porque não encontrei ninguém para me apoiar”.

Entretanto, Carliny Diaz, aos 21 anos de idade, veio afastar-se da música novamente por ter engravidado na altura e não encontrando ajuda dos seus familiares, acabou por deixar a música de lado e mudou para a cidade da Praia.

Todavia, Carliny Diaz não queria deixar a música completamente. E aos 23 anos de idade, regressou para a ilha de São Vicente quando a sua filha tinha 2 anos e, com a ajuda do músico Rui Lastone, ainda hoje ela participa em vários eventos aqui em São Vicente e na ilha de Santo Antão.

“Já participei em vários eventos tanto em São Vicente como em Santo Antão, mas tenho de agradecer ao músico Rui Lastone por tudo isso, pela oportunidade de participar com ele nalguns desses eventos. Um desses eventos que participei, foi no Festival da Baía das Gatas no ano de 2014, na Gala todo Mundo Canta, no Jota Monte, no Mini Festival de Salamansa, entre outros”.

A cantora disse ser muita aplaudida em todos os eventos onde participou até agora, e que os poucos fãs que ela tem até então entusiasmaram-na para a gravação do seu primeiro álbum mas que ainda não conseguiu realizar o seu sonho por falta de condições financeiras.

“Estou a tentar lançar o meu primeiro álbum, um álbum tradicional e, por falta de condições financeiras ainda não consegui, pois para gravar músicas tradicionais é preciso mais dinheiro por ser muito mais cara. Entretanto, já comecei a gravar as músicas; só falta mesmo o dinheiro para a gravação”, disse.

“Nesse álbum trago aos meus fãs uma mistura de músicas tradicionais e kizomba, nomeadamente, coladeira, funaná e batuque. Isto porque acredito que todos nós cabo-verdianos gostamos desses tipos de músicas, está no nosso sangue. Eu também quero ser cantora e compositora das minhas próprias músicas”.

O sonho da cantora é um dia vir a ser uma cantora internacionalmente reconhecida porque ela acredita que tem talento e que muitos acreditam no seu sucesso.

“Quero ser uma cantora internacionalmente reconhecida. É o meu maior sonho e sei que esse dia há-de chegar, mais cedo ou mais tarde, como já diz o velho ditado: mais vale tarde do que nunca”.

Carliny Diaz disse sentir-se agradecida: “queria agradecer os meus amigos e familiares e os meus fãs que acreditam em mim e, que de uma forma ou de outra, sempre têm vindo a apoiar-me”.

A cantora pede às pessoas que acreditam nela para ajudá-la no lançamento do seu primeiro Álbum Musical.

“Peço às pessoas que acreditam em mim, para me ajudarem com o que podem na realização do meu maior sonho que é o lançamento do meu primeiro Álbum Musical”.

  1. Celia

    Bom dia Carliny Diaz,

    Sou Celia e vivo em Italia, gostaria de saber o montante necessario que vocè precisa. Acreditar sempre e boa sorte. um Abraço forte

  2. Carliny Diaz

    Bom dia Celia.

    A senhora pode me contactar atravês do meu facebook Lina Brito por favor???

    Bjim e muito obrigada.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.