Sindep agenda análise sobre o recuo do Governo em relação aos 3% de retroactivos

29/11/2016 07:53 - Modificado em 29/11/2016 07:53
| Comentários fechados em Sindep agenda análise sobre o recuo do Governo em relação aos 3% de retroactivos

professorO Sindicato Nacional dos Professores (SINDEP) elegerá os novos órgãos dirigentes a 28 de Dezembro. Também estão agendados alguns temas como as reclassificações e os subsídios pela não redução da carga horária no ensino básico. Porém, devido ao recuo do Governo em relação aos 3% de retroactivos para os professores decorrente do ano de 2015, o Sindep refere que há um incumprimento e que este deve ser analisado.

 

O porta-voz do Sindep, Nelson Cardoso, adianta que há diálogo entre o Ministério da Educação e o sindicato. Contudo, já têm confirmação que o Governo não irá pagar os 3% de retroactivos do aumento salarial dos professores de 2015. Neste sentido, Nelson Cardoso diz à RCV que este acordo foi feito com o antigo executivo que era liderado pelo PAICV, mas esclarece que parece que há um recuo por parte do actual Governo que assumiu esse acordo com os docentes, mas informaram-nos que “não será possível devolver os 3% aos professores. Assim, devemos falar do incumprimento ou cumprimento do Ministério quando se refere a um acordo entre as partes”.

O Sindep também tem na sua agenda as reclassificações, subsídios pela não redução da carga horária no Ensino Básico que deverão ser debatidos na próxima reunião do sindicato que no dia 28 de Dezembro elegerá os novos órgãos dirigentes do sindicato. Nelson Cardoso adianta que todos os delegados que já estão eleitos devem estar na conferência e acrescenta que o evento deverá decorrer com normalidade, “uma vez que os documentos serão enviados antecipadamente, pelo que não haverá sobressaltos”, justifica o porta-voz do Sindep.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.