São Vicente: Varredores de rua reclamam falta de equipamentos

25/11/2016 08:37 - Modificado em 25/11/2016 08:37
| Comentários fechados em São Vicente: Varredores de rua reclamam falta de equipamentos

limpeza3A limpeza urbana constitui um dos grandes desafios para a administração pública. Os varredores de ruas, um dos profissionais responsáveis pela limpeza das mesmas, dedicam-se a esse trabalho cuidando e recolhendo o lixo que é deitado fora diariamente pela população. Eles têm a função de garantir a limpeza da cidade, no entanto, correm certos riscos de saúde pelo contacto dos agentes presentes no lixo, pela exposição ao calor e outras variações meteorológicas como o frio, chuva e vento que podem causar ou agravar doenças.

Em conversa com alguns varredores de rua, os mesmos mostram-se revoltados e insatisfeitos com a falta de equipamentos por parte da Câmara Municipal da ilha e dizem que trabalham na Câmara há muitos anos e que nada mudou até agora.

Há 17 anos que trabalho na Câmara e frequentemente vamos para o trabalho sem nada porque não nos dão equipamentos e, muitas vezes, pedimos luvas e demoram muito tempo para nos darem uma luva, oferecem-nos botas mas não tenho interesse porque são muito pesadas para as minhas pernas porque eu tenho varizes”, diz Quitéria.

“A Câmara não nos dá boas condições de trabalho e há 12 anos que trabalho na Câmara e neste período de tempo já me deram duas batas e  a que tenho neste momento encontra-se toda rasgada”, frisa Sónia.

“Trabalho na Câmara há 9 anos e nós, os varredores, temos falta de tudo, não nos disponibilizam roupas e nem outros equipamentos necessários. Eu venho trabalhar com as minhas roupas, até sapatilhas eu tive de comprar com o meu dinheiro porque a única coisa que nos dão são luvas e quando querem”, afirma Danielson.

Elton Silva, trabalha na Câmara como varredor há 3 anos e disse que “necessitamos de equipamento como luvas, botas e boquinhas, porque quando vamos para lugares onde há espinhos e mau cheiro pomos em risco a nossa saúde”. E faz um apelo à Câmara: “espero que nos ofereçam equipamentos porque necessitamos muito”.

“Não nos dão bata, nem luvas em boas condições e nem nada, e necessitamos desses equipamentos para o nosso dia-a-dia. Trabalho na Câmara há muitos anos e nada de equipamentos”, disse Isabel.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.