Associação dos Diabéticos de São Vicente satisfeita com os resultados da tenda de controlo da diabetes

15/11/2016 08:21 - Modificado em 15/11/2016 08:21

img_20161114_120520Para celebrar o Dia Mundial da Diabetes, esta segunda-feira, 14 de Novembro, a Associação dos Diabéticos de São Vicente promoveu na praça Dom Luís, uma tenda com alguns profissionais de saúde da ilha.

A funcionar durante toda a manhã no local com vista a realizar exames para a medição da glicemia no sangue, a tenda montada pela Associação dos Diabéticos de São Vicente diz que a adesão do público foi bastante positiva, com uma boa adesão das pessoas que se deslocaram ao local para efectuar a medição dos níveis de açúcar no sangue e receber também alguns conselhos sobre a prevenção da doença.

De acordo com a organização da iniciativa, Letícia Paula, muitos foram os utentes que marcaram presença no local. “A maioria dos atendimentos não foi de diabéticos, mas houve alguns casos que ultrapassaram os índices de glicemia normal, mas outros nem por isso”, disse a responsável que se mostrou bastante contente com a participação do público em fazer os “exames”.

img_20161114_120853No local, em entrevista ao NN, as pessoas garantiram estarem contentes com a iniciativa que visa a promoção da saúde das pessoas na prevenção da doença crónica não transmissível.  

A nível nacional, o Ministro da Saúde e Segurança Social, Arlindo do Rosário, destacou a necessidade de se arrancar em breve com um inquérito ao estado da diabetes no país, já que os dados mais actuais são de 2007 e dão conta de 12,7% da população com diabetes, quando o número de pessoas com diabetes, mas não notificadas, é superior ao da população notificada.

Segundo a Organização Mundial da Saúde, OMS, a doença é a maior causa de cegueira, de problemas renais, de ataques do coração, de derrames e de amputações. A prevalência da diabetes tem aumentado de forma mais rápida em países de baixo e médio rendimento.

A agência da ONU afirma que 422 milhões de pessoas no mundo vivem com diabetes, de acordo com dados de 2014. Em 1980, os diabéticos eram 108 milhões, o número quase que quadruplicou em pouco mais de três décadas.

  1. Pensei que a tenda ficasse durante o dia todo, saí do trabalho às 16h não entreguei ninguém.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.