Frescomar corta alimentação e trabalhadores ameaçam com greve

7/11/2016 08:27 - Modificado em 7/11/2016 08:27
| Comentários fechados em Frescomar corta alimentação e trabalhadores ameaçam com greve

frescomarTrabalhadores da Frescomar, em São Vicente, ponderam fazer greve a partir do dia 01 de Dezembro caso não seja reposto a alimentação que lhe era fornecida pela empresa. O corte , sem explicações ,foi anunciado pela chefia da empresa que assegura que está a obedecer ordens superiores.

 

Os trabalhadores da Frescomar através do Sindicato da Indústria, Comércio e Serviços (SICS) pretendem  paralisar a fábrica no primeiro dia útil do mês de Dezembro. Esta decisão é tomada após a reunião com responsável do SICS, Virtolino Castro, neste fim-de-semana e informa que os 1.217 trabalhadores da Frescomar já foram oficialmente informados de que a partir do dia 01 de Dezembro a empresa deixará de fornecer a refeição diária.

O sindicalista diz à Inforpress que entende a posição das chefias da empresa em Cabo Verde, as quais “têm dito” que se limitam a obedecer a “ordens superiores”, porém adianta que esta medida irá ter “várias consequências” e com reflexo na produção dos trabalhadores. Com a mudança no horário da fábrica e com os operários a ganhar menos, pois a refeição que custa 128$00/trabalhador está incorporado nos seus salários, dos quais é descontado em que caso de falta ao serviço.

“Reunimo-nos várias vezes com a direcção da empresa, vamos continuar a discutir o assunto durante o mês de Novembro, por isso tudo está ainda em aberto” assegura Virtolino Castro que não descarta a greve, caso a posição dos trabalhadores não for salvaguardada pela empresa.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.