Antany condenado a pagar uma indemnização de 11 milhões de escudos às famílias das vítimas

4/11/2016 07:54 - Modificado em 4/11/2016 07:54

antanyAntónio Manuel Silva Ribeiro, 23 anos, mais conhecido por “Antany” que confessou ter assassinado as 11 pessoas num posto militar de Monte Tchota em Santiago, para além de ter sido condenado a 35 anos de cadeia pelo colectivo de juízes do Tribunal Militar, também foi condenado a uma pena acessória de expulsão das Forças Armadas cabo-verdianas e ao pagamento de uma indemnização de 11 milhões de escudos às famílias das vítimas.

 

Durante a primeira sessão do julgamento que contou no colectivo de juízes do Tribunal Militar com a juíza civil Ana Reis, foram ouvidas cinco das seis testemunhas arroladas no processo em que o suspeito é acusado de 11 homicídios agravados. Porém, o homicida confesso respondeu às perguntas relativas à sua identificação, a que estava obrigado e remeteu-se ao silêncio pedindo desculpas aos familiares das vítimas. A defesa de Antany, assegurada pelo defensor oficioso Tenente Júlio Monteiro, apontou a postura de colaboração do suspeito, o seu carácter calmo e os problemas que sofreu ao longo da vida como circunstâncias atenuantes da sua conduta e pediu aos juízes que “sejam benevolentes”.

Todavia, esse facto não foi relevante para o processo e Antany, uma vez que foi condenado à pena de 35 anos de cadeia, foi ainda condenado a uma pena acessória de expulsão das Forças Armadas cabo-verdianas e ao pagamento de uma indemnização de 11 milhões de escudos (99 mil euros) às famílias das vítimas, escreve a Lusa.

  1. Bento Silva Santos

    Gostaria que a Doutora HELENA FORTES – Jurista – me ajudasse a compreender se poder, como o Antany vai pagar essa pena acessória de indemnização aos familiares das vítimas. Será que o Estado de Cabo Verde ( nós os contribuintes) para além de assegurá-lo as “mordomias” de 35 anos de prisão o Estado vai também pagar essa quantia de 11 milhões de escudos? Fiquei deveras perplexo !

  2. Bento Silva Santos

    Gostaria que a Doutora HELENA FONTES – Jurista – me ajudasse a compreender se poder, como o Antany vai pagar essa pena acessória de indemnização aos familiares das vítimas. Será que o Estado de Cabo Verde ( nós os contribuintes) para além de assegurá-lo as “mordomias” de 35 anos de prisão o Estado vai também pagar essa quantia de 11 milhões de escudos? Fiquei deveras perplexo !

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.