Parque Nhô Roque: utentes exigem iluminação do espaço para maior segurança

3/11/2016 08:12 - Modificado em 3/11/2016 08:12
| Comentários fechados em Parque Nhô Roque: utentes exigem iluminação do espaço para maior segurança

falta iluminação publicaO parque infantil situado na Praça Nhô Roque, em São Vicente, tem sido alvo de algumas críticas por parte de pais e encarregados de educação que consideram que a iluminação do espaço é inadequada e favorece a insegurança. Desta forma, apelam as autoridades para que dêem uma especial atenção.

A Praça Nhô Roque é o único espaço lúdico na cidade do Mindelo onde as crianças podem brincar e divertir-se. Assim sendo, alguns pais preocupados com a segurança das mesmas sugerem à Câmara Municipal de São Vicente que melhore a iluminação do parque infantil, visto que as luzes amarelas não são uma boa opção e alguns postes não funcionam.

“Numa ilha onde o Verão é permanente e existindo apenas este parque, há que primar pela sua manutenção. Muitas vezes escurece e as crianças brincam praticamente às escuras, sem contar que é um lugar frequentado por meninos de rua o que não ajuda na segurança do parque”, diz Ângela, uma mãe preocupada. Também através da página do Provedor do Mindelo lê-se: “mais uma chamada de atenção de uma munícipe sobre a falta de iluminação no parque infantil na praça Nhô Roque. O provedor, mais uma vez, pede à Câmara e à Electra a reposição das luzes para uma maior segurança das crianças e adultos que frequentam este único espaço infantil da ilha. Lembrem-se que vivemos numa ilha sem alternativas, por isso, há que preservar o pouco que temos”.

O gerente do restaurante Restobar situado no parque adianta que “já na semana passada procurei junto da Electra saber de quem é a responsabilidade pela iluminação do parque e disseram-me que os postes do parque são da responsabilidade da CMSV e que são mantidos pela SEFI. Vê-se que estão ligados à rede de iluminação pública, mas muitos postes não funcionam por falta de manutenção”. O mesmo acrescenta que nos fins-de-semana, muitos jovens e adolescentes procuram o parque para lazer e “paródias”, muitas vezes com muito álcool à mistura, visto que o lugar é sombrio e favorece esse tipo de actividades.

O NN contactou a empresa SEFI (Sociedade de Electricidade e Frio Industrial SARL) mas até ao fecho desta edição não foi possível o contacto, visto que a mesma não atendeu ao telefone.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.