Marca “Tubarões Azuis” vai abranger todas as selecções nacionais

2/11/2016 08:36 - Modificado em 2/11/2016 08:36

tubaroes AZUIS“Tubarões Azuis”, a marca que representa a Selecção Nacional de Futebol, vai ser adoptada por todas as selecções nacionais independentemente das modalidades, deixando, portanto, de existir os “Tubarões Martelo” como é conhecida a selecção de basquetebol do país, os “Tubarões Tigres” a selecção de andebol e os “Tubarões Voadores”, a equipa nacional de volei, passando a existir apenas a marca “Tubarão Azul”.

 

Esta foi uma das propostas aprovadas pelo Conselho Nacional do Desporto que aprovou também a proposta de Estatuto de Atleta de Alta Competição que irá “permitir melhores condições de treino aos referidos atletas, bem como continuarem a exercer a própria actividade”, de acordo com o Ministro do Desporto, Fernando Elísio

Em relação à marca “Tubarões Azuis”, todos os membros das entidades ligadas ao desporto concordam com a harmonização da marca. Ou seja, que todas as selecções nacionais passem a ser “Tubarão Azul” e a apresentarem-se como uma marca de Cabo Verde. De referir que a marca foi registada pela Federação Cabo-verdiana de Futebol, mas vai-se negociar com a mesma, no sentido de permitir que a marca seja do desporto nacional.

Foi ainda introduzida a questão do turismo em articulação com o desporto, tendo sido incluídos os Comités Olímpico e Paralímpico que não integravam este órgão, bem como a Organização Nacional Antidopagem de Cabo Verde (ONADCV), ou seja, o País a promover um desporto limpo”.

Foram ainda aprovados neste CND, o Estatuto da Utilidade Pública Desportiva que se traduz no rigor em termos de financiamento público exigido às federações desportivas, no sentido de terem uma democracia interna, representatividade nacional e internacional a nível de género e de número de atletas.

O CND ficou, também, com a incumbência e a responsabilidade de regulamentar o acesso à Bolsa Jovem Atleta, bem como a regulamentação dos Prémios desportivos das competições internacionais.

Relativamente ao aumento para o sector, questionado pelos jornalistas, Fernando Elísio Freire avançou que de 70 mil contos do orçamento anterior para o subsídio às federações, o Governo actual irá aumentar para 83 mil contos o que considera um ganho que se pretende consolidar.

Outra decisão foi a criação do Instituto do Desporto, tendo o Ministro do Desporto salientado que o Governo vai criar os mecanismos para a sua materialização nos próximos anos.

  1. Voleibol

    As seleçoes femininas também passarão a ser “Tubarões Azuis”?

  2. Valeriano Medina

    É uma boa ideia chamar todas as seleções de “tubarões azuis” até que este nome soa bem nos ouvidos.
    Falando agora do apuramento para o mundial, temos condições para vencer os nossos 3 jogos em casa e vencer o Burquinafaso em sua casa e fazer um empate em Africa do Sul…creio que dá para apurar.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.