Viúva vive no escuro porque não consegue pagar dívida de 34 contos a ELECTRA

2/11/2016 08:23 - Modificado em 2/11/2016 08:23
| Comentários fechados em Viúva vive no escuro porque não consegue pagar dívida de 34 contos a ELECTRA

sem-luzMaria Auxília Inocêncio da Luz, 42 anos, mora em Ribeira de Craquinha e está preocupada em relação a uma dívida para com a Electra.

 

“Estou muita preocupada em relação à minha dívida para com a Electra que existe desde que o meu companheiro veio a falecer em 2013 e que é de 34.492 escudos e que, neste momento, não estou com condições de liquidar porque o que ganho como trabalhadora doméstica não dá para satisfazer todas as minhas despesas financeiras”, disse Maria.

Maria Auxília explica que “desde que o meu companheiro veio a falecer, a minha vida só complicou. Ele deixou-me com dois filhos menores de quatro anos de idade e eu sozinha a trabalhar não consigo liquidar a minha dívida e nem consigo dar uma vida digna aos meus filhos porque tenho um trabalho como doméstica e é quando aparece”.

“E a Electra disse-me que tenho de pagar a dívida para poderem ligar-me a luz de novo em minha casa. À noite acendo uma vela para ter iluminação em casa” e acrescenta que “no ano passado fui pedir ajuda à Câmara Municipal de São Vicente e não me ajudaram e, de momento, não tenho essa quantia para pagar a Electra. Sinto-me triste porque não consigo fazer nada e os meus filhos, à noite, ficam às escuras sem uma televisão em casa para verem um desenho animado e ficamos à espera da hora de dormir”, explica Maria.

Maria Auxília Inocêncio da Luz apela para quem a queira ajudar que contacte o móvel: 9815687

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.