Vital Moeda lamenta as maldades cometidas contra a CRASDT

27/10/2016 08:11 - Modificado em 27/10/2016 08:11
| Comentários fechados em Vital Moeda lamenta as maldades cometidas contra a CRASDT

vital moedaO Procurador Vital Moeda, também membro da Congregação Reformada dos Adventistas do 7º Dia de Tendas (CRASDT), cujo processo foi arquivado e que previa alegados crimes, veio lamentar as maldades dentro do povo de Deus e saiu, mais uma vez, em defesa do que acredita como religioso e membro da congregação.

 

Para evitar dúvidas, Vital Moeda esclarece que “por motivos óbvios, não poderei comentar o conteúdo do Mui Douto e Louvável Despacho do Ministério Publico, visto que eu sou M.P e nós não comentamos, ainda por cima em público, os despachos uns dos outros”. Todavia, como não deixa de relembrar, foram contadas muitas mentiras sobre a CRASDT e considera como “maldades cometidas dentro do Povo de DEUS”, facto que lamenta, frisa Moeda num post no Facebook.

Vital Moeda adianta que foram maldades proferidas por pessoas que já não estão na CRASDT e acrescenta que “ficou provado que maltrataram crianças mas, mesmo assim, não estão dispostas ao arrependimento e à confissão, quanto mais a pedir perdão publicamente àqueles a quem fizeram mal – o seu lugar é mesmo fora da CRASDT e a Maldade com que os anátemas da CRASDT (os expulsos e rejeitados porque manifestaram grande ódio contra DEUS e os seus Princípios) que não pouparam meios e fins e contaram tantas e tantas terríveis mentiras contra a CRASDT e contra o Inácio Cunha a ponto de, tal o nível de convicção e de engano, induzirem muitos a crer que de facto a CRASDT é uma Igreja fanática e o Inácio Cunha, um monstro”. O membro e também Procurador garante que graças a Deus ficou clara a inocência da Congregação, mas adianta que era prudente que se investigasse para que se tivesse a certeza.

“Mas, isto biblicamente se entende da seguinte forma: O SENHOR mandará sobre ti (anátema/s) a maldição; a confusão e a derrota em tudo em que puseres a mão para fazer; até que sejas destruído e até que repentinamente pereças, por causa da maldade das tuas obras, pelas quais me deixaste. (Deuteronómio 28:20). Mas, nós sabemos que isto não acabará por aqui visto que, biblicamente, o Povo de DEUS tem de ser perseguido e muitas mentiras têm de ser contadas contra ele. Fiquem todos em paz”, conclui Vital Moeda, após as investigações à CRASDT e o arquivamento do processo.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.