Espargos: Segurança do posto de combustível da Enacol amarrado na sequência de um assalto

25/10/2016 07:54 - Modificado em 25/10/2016 07:54
| Comentários fechados em Espargos: Segurança do posto de combustível da Enacol amarrado na sequência de um assalto

enacolUm guarda-nocturno que presta serviço na bomba de combustível de Espargos foi surpreendido na madrugada desta segunda-feira, 24, por dois homens encapuzados que o renderam com uma arma branca, cobriram a cabeça e amarram-no. A vítima que ficou completamente imobilizada não pôde impedir o assalto tendo sido roubados cerca de trezentos mil escudos que se encontravam dentro do estabelecimento.

Os homens que fazem serviço de guarda-nocturno nos postos de combustível têm sido presas fáceis dos assaltantes. Dois homens encapuzados renderam na madrugada desta segunda-feira o guarda de serviço no posto de combustível na cidade de Espargos, ilha do Sal. Munidos de uma arma branca, os dois assaltantes ameaçaram o homem e conseguiram amarrá-lo, deixando-o imobilizado. Os meliantes arrombaram a porta e levaram uma quantia que ronda os trezentos mil escudos.

O incidente foi descoberto por polícias que faziam a habitual ronda por essas bandas. Entretanto, os assaltantes ainda não foram identificados mas sabe-se que agentes da Polícia Nacional local estão no terreno a investigar o caso.

Casos desta natureza têm sido frequentes um pouco por todas as ilhas. No passado dia 03 do corrente mês, na ilha de Santiago, três indivíduos encapuzados assaltaram à mão armada o posto de combustível da Enacol na zona de Fazenda.

Os modus “operandi” dos meliantes tem sido o mesmo. Os assaltantes surpreendem e ameaçam os guardas recorrendo a armas brancas ou de fogo, amararam-nos tendo assim espaço de manobra para arrombar as portas e roubar dinheiro e objectos valiosos.

O guarda tinha entrado poucos minutos antes no seu posto de serviço e não tinha com ele grandes quantias em dinheiro e, por isso, os assaltantes/agressores não conseguiram levar qualquer montante em dinheiro que, segundo as autoridades, era o objectivo do grupo. Entretanto, agentes da PN passaram no local depois do incidente e estão a investigar o caso.  

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.