CN PAICV: tudo como antes no quartel de Abrantes ou não?

18/10/2016 08:23 - Modificado em 18/10/2016 08:23
| Comentários fechados em CN PAICV: tudo como antes no quartel de Abrantes ou não?

PAICV comicioO PAICV reunido em Conselho Nacional no último fim-de-semana marcou as eleições internas para o dia 29 de Janeiro, pelo que as candidaturas devem dar entrada no partido ainda no mês de Dezembro. Em cima da mesa esteve a análise dos resultados das eleições autárquicas que levaram a Presidente do partido, Janira Hopffer Almada, a colocar o cargo à disposição.

 

Filomena Martins, porta-voz do Conselho, em declarações à imprensa, considera ter havido causas internas e externas para os resultados que se verificaram. Em relação às causas internas Martins diz que “é preciso trabalhar profundamente no sentido de reforçar a unidade interna do PAICV”.

E, neste sentido, não apela, mas afirma que se fosse possível uma única candidatura seria uma das formas de perseverar a coesão interna. “Se fosse possível uma candidatura consensual estaríamos a perseverar o PAICV. Não tendo nenhum apelo neste sentido, qualquer militante disponível poderá ser um eventual candidato nas eleições directas do PAICV”.

Acerca dos candidatos para liderar o partido, o único já conhecido é a actual Presidente Janira Hopffer Almada.

Outra das recomendações saídas do Conselho Nacional é a de manter os assuntos do PAICV dentro do PAICV, uma prática, segundo Martins, há muito praticada no partido. “Retomar uma prática do PAICV, falar dos nossos desentendimentos e discórdias nos espaços próprios e nos órgãos certos sem publicitá-los e evitar dar precocemente informações à comunicação social”.

Outra recomendação é a de colocar todas as estruturas locais e sectoriais a funcionarem em pleno. E, onde os “órgãos estão caducados”, aconselha a realização de eleições antes das eleições directas.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.