PM anuncia criação do Estatuto do Investidor Emigrante

17/10/2016 08:08 - Modificado em 17/10/2016 08:08
| Comentários fechados em PM anuncia criação do Estatuto do Investidor Emigrante

ulissesO Primeiro-ministro Ulisses Correia e Silva, de visita ao Luxemburgo, incentivou os emigrantes a investirem em Cabo Verde. Para agilizar essa vontade, anunciou a criação do Estatuto do Investidor Emigrante.

 

“Estamos a trabalhar de forma a que, no princípio do próximo ano, possamos ter um estatuto que crie condições de atractividade para que os emigrantes que tenham poupanças e queiram investir em projectos produtivos em Cabo Verde o possam fazer dentro de um quadro estruturado”, disse o governante à Lusa. De acordo com a ULCS, o Estatuto do Investidor Emigrante visa incentivar os cabo-verdianos no estrangeiro a usarem as poupanças para investirem na economia, através da criação de “benefícios e atractivos” fiscais e explicou: “Hoje temos vários emigrantes com depósitos nos bancos, mas precisamos que essa poupança seja uma poupança produtiva e que seja aplicada em projectos e em áreas em crescimento como o turismo, contribuindo para o desenvolvimento das suas ilhas e dos seus concelhos”.

O governante que iniciou na sexta-feira uma visita oficial ao Luxemburgo, participou no sábado numa festa com mais de uma centena de emigrantes no país para assinalar o Dia Nacional da Cultura e das Comunidades, celebrado em Cabo Verde a 18 de Outubro, dia do nascimento do poeta cabo-verdiano Eugénio Tavares.

Ulisses Correia considerou que os emigrantes no Luxemburgo são “uma comunidade exemplar”, recordando que “as autoridades luxemburguesas” e o Primeiro-ministro luxemburguês, Xavier Bettel, com quem esteve na sexta-feira, também fazem “uma avaliação muito positiva” dos cabo-verdianos no país.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.