Praia: meliantes assaltam aluna do 10º ano usando uma pistola

14/10/2016 07:54 - Modificado em 14/10/2016 07:54

armaUma estudante do 10º ano foi assaltada na noite da última quarta-feira quando se aproximava da sua residência na zona de Vila Nova, cidade da Praia. Os dois larápios ameaçaram-na com uma arma de fogo e obrigaram-na a entregar a mochila contendo materiais escolares. A vítima que  saiu ilesa pois os assaltantes só queriam os pertences.

 

Samira Varela avança que tudo aconteceu por volta das vinte horas quando regressava da escola. A mesma pressupõe que os assaltantes tenham seguido os seus passos, uma vez que antes do assalto apercebeu-se de um grupo de jovens que depois se dispersou.

A vítima conta que teve a sorte de conseguiu escapar a consequências mais graves porque os vizinhos que se aperceberam do assalto afugentaram os indivíduos que levaram apenas a mochila com materiais escolares.

“Foi tudo muito rápido. Os meliantes apareceram exactamente no momento em que me preparava para apanhar as chaves de casa. Apesar do susto, graças aos vizinhos e a Deus, consegui salvar a vida, mesmo depois de me ameaçarem com uma arma de fogo, obrigando-me a entregar a bolsa”.

Os assaltos às residências tornaram-se frequentes na zona gerando um clima de insegurança no seio dos moradores, diz Zenaida Conceição.

Preocupado com a situação, Mauro de Pina diz que a sua residência sofreu tentativa de assalto no passado fim-de-semana e uma outra residência junto à sua também foi alvo de assalto. “A população sente-se insegura e com medo de andar à noite. Passamos noites em claro porque temos de estar atentos e de vigia, protegendo as nossas residências dos assaltantes”.

Os moradores que clamam por maior segurança e apelam pela colocação de postos de iluminação e mão pesada aos criminosos, supõem que os assaltantes provenham de outras zonas.

  1. Sem nome

    Atenção: Essa Mensagem é dedicada ao Noticias do Norte para uma investigação.

    Já basta dos abusos da parte dos serventes do HBS.

    Os serventes do Hospital Baptista de Sousa têm vindo a abusar reiteradamente dos pacientes com palavras injuriosas, com AGRESSÕES (SOCOS E PONTA PÉS), repito com AGRESSÕES (SOCOS E PONTA PÉS). já faz muito tempo que estou notando essas coisas, mas, hoje fiquei mesmo impressionada com um servente (um escuro e barrigudo) a agredir um rapaz com socos e ponta pés em frente de muitas pessoas. O que é isso?????, onde estamos????. Será que a direcção do Hospital tem conhecimento desse caso???? Já basta, basta desses abusos.

  2. Nita Fortes

    Ê de envergonhar os proprios bandidos que têm um côdigo, uma ética. Atcar uma adolescente é o cùmulo de pouca vergonha, de falta de humanidade. Se é que se pode dizer assim.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.