Expomar: para promover negócios relacionados com o mar

12/10/2016 08:23 - Modificado em 12/10/2016 08:23
| Comentários fechados em Expomar: para promover negócios relacionados com o mar

expomar5ª edição ExpomarA 5ª edição Expomar, Feira do Mar, acontece nos dias 20, 21 e 22 de Outubro, enquadrada na semana do mar que vai do dia 17 ao dia 22 de Outubro. Feira onde os organizadores estão a apostar forte, também pela relevância que a feira tem ganho no panorama de negócios e oportunidades ligadas ao mar. “Momento único e ímpar para a troca de experiência e conhecimento associado ao mar”, afirma Carlitos Fortes, PCA da Enapor, instituição responsável pela organização depois da extinção da NOCMAR.

 

“Pretendemos proporcionar um espaço de diálogo e de interacção entre vários operadores, um espaço de realização de negócios para a dinamização da economia marítima, uma plataforma de negócios”, segundo o PCA da Enapor.

Berlardino Lucas, Presidente da Câmara de Comércio e Serviços de Barlavento, acrescenta que é um evento que tem vindo a ganhar de ano para ano maior relevância no quadro de eventos desta natureza. “Começou por ser uma actividade de promoção institucional, mas há três edições fizemos uma grande mudança no sentido que este evento passasse a ser um evento do sector privado, onde cada vez mais seja mais relevante a parte dos negócios em relação à economia marítima”.

Para Lucas, a economia marítima é uma área incontornável para o desenvolvimento do país e da região. Neste sentido, o forte empenho que a Câmara de Comércio coloca neste evento, mira a “criar um espaço para encontros entre os empresários e promover a realização de negócios”. O objectivo é que a Expomar se afirme e “assuma como um evento incontornável do calendário anual de feiras e seja, de facto, um local para realizar bons negócios para o bem da economia do país e do desenvolvimento do sector privado.

Em termos de ganhos para o sector privado, Belarmino Lucas afirma que tem havido ganhos “em termos de notoriedade do país, ganhos em termos daquilo que é o caminho para transformar a região e a ilha numa grande plataforma no que respeita aos serviços da área marítima. E de ano para ano, são mais empresas nacionais a terem parcerias com empresas estrangeiras”.

Na agenda está não só o encontro de empresários, mas também uma série de conferências com conferencistas nacionais e de Portugal. Estas conferências são sugestões de várias instituições internacionais como a FAO e a Cátedra Dom Henrique, facto que leva Carlitos Fortes a afirmar que este evento demonstra “a importância que a Expomar tem vindo a assumir ao longo dos anos e a ser procurada por várias instituições para apresentar um conjunto de temas que irão intensificar o conhecimento à volta do mar”.

A internacionalização de uma feira com uma organização própria é o próximo desafio. Até agora, estão confirmados 60 expositores, 40 nacionais e 20 internacionais, mas o número de inscritos ultrapassa os setenta interessados.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.