Baleado nos testículos atira Ferrari contra urgências do hospital

16/09/2012 22:21 - Modificado em 16/09/2012 22:22
| Comentários fechados em Baleado nos testículos atira Ferrari contra urgências do hospital

O condutor de um Ferrari 458 amarelo entrou com o carro adentro das urgências do hospital italiano Cardarelli. Antonio Sarno, de 31 anos, tinha sido baleado nos testículos e nas pernas. E ao seu lado estava a sua mulher, também ela baleada, num pé.

 

Antonio Sarno explicou mais tarde às autoridades que os ferimentos se deviam a uma tentativa falhada de “carjacking”. Pelo que disse, parou o Ferrari num semáforo vermelho e logo foi rodeado por um grupo de motociclistas armados, que lhe queriam roubar a viatura. Em resposta à ameaça, o condutor acelerou o Ferrari a fundo para fugir do local. Acontece que os ladrões dispararam na direcção do carro com a intenção clara de matar os seus ocupantes.

 

A história falha apenas num pormenor: os dois ocupantes do Ferrari não sabem dizer em que rua tudo aconteceu. E esta é a razão que causa estranheza à polícia, que irá continuar a investigar o caso. Contudo, e apesar de todo o aparato à chada ao hospital, os ferimentos das balas nos dois ocupantes do superdesportivo não inspiravam gravidade.

 

 

 

 

cm.pt

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.