Vasco Martins é o homenageado deste ano do Dia Nacional da Cultura Cabo-verdiana

6/10/2016 08:15 - Modificado em 6/10/2016 08:15

vasco-martinsO dia 18 de Outubro foi decretado em 2005 pelo Governo, como o Dia Nacional da Cultura Cabo-verdiana. A data homenageia o dia do nascimento de um dos maiores poetas de Cabo Verde, Eugénio Tavares.

 

Este dia é celebrado como forma de prestigiar a cultura nacional e também tem como objectivo homenagear todos os que se dedicam à actividade cultural, fazendo com que a cultura seja uma das expressões mais nobres do homem e da mulher cabo-verdiana.

Este ano, Vasco Martins foi escolhido para receber a dita condecoração, por ser uma grande figura da cultura cabo-verdiana e de São Vicente que está no próprio percurso do artista.

De acordo com o Director do Centro Cultural Português do Mindelo, João Branco, esta é a homenagem a um homem que possui um grande historial e uma biografia extraordinária. “É o único compositor sinfónico que temos em Cabo Verde, é tocado em muitos países do mundo, tem várias facetas, as pessoas gostam mais de uma que de outra.

A faceta da música ligada ao new age, a faceta do homem das sinfonias e, também, um grande instrumentista, entre outros aspectos e que juntos fazem com que esta seja uma justa homenagem a um homem que está vivo e de saúde.

O programa para as comemorações inclui ainda uma conferência sobre a vida e a obra de Renato Cardoso, bem como as inscrições para as aulas do 16º curso de iniciação teatral.

Este dia foi instituído para que toda a Nação prestigie e dignifique a sua cultura, chame a atenção da opinião pública para a importância e valorização da mesma, incentivando a criação de condições necessárias em vista à promoção do desenvolvimento de Cabo Verde.

  1. dani

    “é tocado em muitos países do mundo” é um pouco exagerado. foi tocado três ou quatro vezes.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.