Cidade da Praia resgista um aumento de casos de diarreia

5/10/2016 07:29 - Modificado em 5/10/2016 07:29
| Comentários fechados em Cidade da Praia resgista um aumento de casos de diarreia

SONY DSCOs casos de diarreia e vómito são normais neste período após a queda das chuvas e o mês de Setembro registou um aumento dessas ocorrências. É o caso da cidade da Praia onde os Centros de Saúde e o hospital têm recebido vários pacientes com os mesmos sintomas.

 

Segundo especialistas, esses episódios tendem a crescer nesta época do ano devido ao aumento do consumo de alimentos e bebidas contaminados que entraram em contacto com água imprópria aumentando a circulação de vírus, bactérias e parasitas que causam a doença. Contudo, recomendam maior cuidado na higiene

Devido à época em que o País se encontra, tem-se registado um aumento dos casos de diarreia um pouco por todas as ilhas, isto devido ao clima quente e às chuvas.

Segundo quanto apurámos, já foram registados 117 casos de diarreia no Hospital Agostinho Neto. Vários são os casos que deram entrada nos Centros de Saúde da Capital, sendo em maior número as crianças. A Pediatria atendeu várias crianças com esses sintomas tendo algumas sido internadas.

De acordo com a médica Marisa Lopes, a doença manifesta-se através do aumento do número de evacuações podendo ser acompanhadas de náusea, vómito, febre e dor abdominal e, nalguns casos, pode haver presença de muco e sangue nas fezes.

A doença é transmitida muitas vezes devido ao acondicionamento incorrecto de alimentos, ao consumo de água, sucos, gelo contaminados, por isso, recomenda-se um maior cuidado com a higiene pessoal como a lavagem das mãos com maior frequência pois, as mãos facilitam a transmissão dos micróbios causadores da diarreia.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.