Boa Vista: agressor está a monte após esfaquear a ex-companheira que levou 56 pontos

28/09/2016 08:05 - Modificado em 28/09/2016 08:05
| Comentários fechados em Boa Vista: agressor está a monte após esfaquear a ex-companheira que levou 56 pontos

FACANa ilha da Boa Vista uma mulher foi esfaqueada em várias partes do corpo pelo ex-namorado e foi suturada com 56 pontos. Os familiares estão preocupados, uma vez que a agressão ocorreu no dia 18 de Setembro no caminho do trabalho para casa e até agora, o agressor ainda não foi capturado pela polícia.

 

O irmão da vítima está apreensivo e preocupado com a segurança da agredida porque esta deverá ter alta do Centro de Saúde situado na Cidade de Sal Rei em breve e testemunhas contam que têm visto o agressor nas redondezas da localidade de Rabil.

Após a agressão, o familiar teme que o ex-companheiro consiga efectivar o crime e, em entrevista à RCV, diz que “o agressor já fez ameaças a mim e a um casal vizinho da minha irmã. Assim, pergunto quem irá garantir a nossa segurança e, principalmente, da minha e dela, visto que ele está foragido”. Desta forma, o mesmo apela à justiça para fazer de tudo para capturar o agressor que desferiu golpes de faca que levou ao internamento da sua ex-mulher com 56 pontos em várias partes do corpo e quer saber onde está a falha das autoridades.

O Comandante da Polícia Nacional da Boa Vista, José Gabriel Duarte, assegura que uma equipa está no terreno em busca do agressor que anda a fugir das autoridades policiais e aproveita para apelar à população, principalmente a do Rabil, para fornecer informações sobre o paradeiro do agressor.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.