Augusto Neves sucede a si mesmo à frente da Câmara Municipal de São Vicente

5/09/2016 07:57 - Modificado em 5/09/2016 07:57
| Comentários fechados em Augusto Neves sucede a si mesmo à frente da Câmara Municipal de São Vicente

mpdAugusto Neves sucede a si mesmo à frente da Câmara Municipal de São Vicente diz que esta é uma vitória do reconhecimento da população pelos trabalhos feitos.

 

Movimento para a Democracia, MPD em termos absoluto, saiu-se vitorioso em quase todas as zonas de São Vicente, excepto na zona de Ribeira de Vinha, que foi conquistado pela UCID. Com esta vitória, Neves sucede a si mesmo à frente da edilidade sanvicentina e em declarações a este online diz que esta é uma grande vitória, uma vitória da população sanvicentina de todo o trabalho realizado.

“É um grande reconhecimento da população, nós estamos tranquilos vamos continuar os nossos trabalhos e vamos fazer muito mais ainda, esta é a nossa missão, trabalhar para a qualidade de vida dos são vicentinos e por em prática os projectos que nos comprometemos para com a população”, assegura.

Durante a campanha eleitoral foi falado de vários projectos para com a população de São Vicente, Neves afirma que a partir de hoje, esses projectos serão postos em prática com este novo mandato. “E com este novo governo que se comprometeu em apoiar-nos com certeza que faremos um mandato muito bom”.

“E já a partir de hoje começa os trabalhos, não estamos aqui para perder tempo e todos estaremos a trabalhar para que nos anos vindouros sejam melhores para a juventude para as famílias, isto que é o nosso propósito” diz.

Para Neves seria bem melhor governar com maioria absoluta, e com maioria relativa irá negociar com qualquer um dos partidos para a passagem dos documentos. “Para passagem de documentos discutiremos, iremos trazer projectos de São Vicente, para São Vicente, portanto acho que os partidos devem pensar nisso, não são questões pessoais, são questões de São Vicente” conclui.

A nível nacional, o MPD conquista dezanove das vinte e duas câmaras, ao passo que o PAICV conseguiu apenas duas, as Câmaras Municipais de Santa Cruz e São Lourenço dos Órgãos em Santiago e uma conquista pelo partido independente, BASTA, na ilha da Boavista.

Foram 57 candidatos a concorrerem às 22 câmaras municipais do país em todos os concelhos, com apoios de partidos políticos e candidaturas independentes, MpD foi o único partido que concorreu em todos os 22 municípios.

Em Mindelo, a festa de vitória do partido foi acompanhada pela batucada com um desfile em na Rua de Lisboa, Avenida 05 de Julho, Praça Nova, seguindo outra vez o mesmo caminho de regresso para a sede, acompanhado do vencedor das sétimas autárquicas local, Augusto Neves.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.