Chris Brown arrisca-se a 14 anos de prisão

2/09/2016 09:11 - Modificado em 2/09/2016 09:12
| Comentários fechados em Chris Brown arrisca-se a 14 anos de prisão

cris brownO cantor esteve menos de 24 horas detido, após suspeitas de agressão com arma de fogo a uma mulher, e já saiu em liberdade, depois de pagar uma fiança de 223 mil euros. Arrisca-se a 14 anos de prisão.

O cantor Chris Brown, que foi detido pela polícia de Los Angeles esta terça-feira, por suspeitas de agressão com uma arma de fogo a uma mulher, – sabe-se agora, de nome Baylee Curran -, arrisca-se a uma pena de prisão de 14 anos, avança a imprensa internacional.

O jovem de 27 anos esteve detido numa esquadra menos de 24 horas, tendo saído em liberdade depois do pagamento de uma fiança de 223 mil euros.

Foi no início da madrugada de quarta-feira, hora de Lisboa, que a polícia cercou a residência de Chris Brown em Los Angeles, numa operação que durou várias horas, face à resistência inicial do cantor à entrada dos agentes na sua propriedade.

O advogado de Brown, Mark Geragos, já veio frisar que as acusações de agressão com arma de fogo são falsas. O site TMZ acrescentou que a alegada vítima que deu o alerta às autoridades se encontrava dentro da casa do cantor aquando da acusação de agressão. “Obrigado a todos pelo vosso apoio. O Chris saiu e está bem. As acusações que recaem sobre ele são falsas”.

Recorde-se que Chris Brown foi notícia em todo o mundo em 2009, com o caso da agressão a Rihanna, então sua namorada. O cantor deu-se como culpado e cumpriu seis meses de trabalho comunitário, permanecendo em liberdade condicional nos cinco anos que se seguiram.

jn.pt

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.