PJ apreende 12 quilos de padjinha no Porto Grande

29/08/2016 08:23 - Modificado em 29/08/2016 08:25

cannabisA Polícia Judiciária de São Vicente apreendeu mais 12kg de canábis (padjinha) no cais do Mindelo, provenientes da cidade da Praia. Esta apreensão aconteceu no âmbito das  várias operações que a PJ vem desenvolvido nos Portos e Aeroportos do país.

A apreensão aconteceu com a chegada do navio 13 de Janeiro no cais de São Vicente, proveniente da cidade da Praia e da ilha do Fogo.

Os 12kg de canábis estavam dessimulados num saco de milho, que geralmente é utilizado para transportar ração para animais.

De acordo com a PJ, a droga apreendida vale cerca de um milhão e oitocentos mil escudos no mercado. Até o momento a PJ tem sob a sua alçada apenas um suspeito para as devidas averiguações.

No espaço de 15 dias esta é a segunda apreensão levada a cabo pela PJ.

  1. Ruben David

    Sinceramente .a policia judiciaria deveria estar a se preocupar com crimes mais graves ligados a droga.
    Ao meu ver, a cannabis sativa e mais um relaxante do que uma droga, mais anastesico do que crime,muito mais benefico para a saude. Agora vejam o caso de Paises desenvolvidos como a Hollanda, e muitos dos estados nos estados unidos da America que a dita droga para Cabo verde ja e legalizada e muito pelo contrario do que se pensa, a cannabis nao esta directamente ligada a casos de violencia e outros. e porr outro lado imaginem o siposto dinheiro que vao quiemar, serviria para tapar muitos dos buracos financeiros e economicos da nossa sociedade.
    isso mesmo que os senhores estao a pensar eu ou totalmente a favor da legalizacao da cannabis em cabo verde. parem de achar que a marujuana e droga, e se por acaso ouvirrem dizer que em alguma parte do planeta alguem ja morreu por causa de fumar cannabis por favor gostaria de saber. Agora existem poutras drogas legais que matam muito mais do que a cnnabis, o Tabaco o Alcool por exemplo sao delas. Muito obrigado

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.