22ª edição do Festival Internacional de Teatro do Mindelo

18/08/2016 08:59 - Modificado em 18/08/2016 08:59
| Comentários fechados em 22ª edição do Festival Internacional de Teatro do Mindelo

mindelact_2016_620Mindelact 2016, com três estreias absolutas e seis participações internacionais, Argentina, Angola, Espanha, Brasil, Alemanha e Portugal.

São mais de 40 espectáculos que fazem parte da programação do Mindelact 2016 a decorrer de 16 a 24 de Setembro, conforme afirmou a organização em conferência de imprensa esta manhã.

De acordo com o Presidente da Associação do Mindelact, Daniel Monteiro, esta nova formatação para a apresentação dos espectáculos irá dinamizar o festival que durante nove dias estará dividido em palco 1, no Centro Cultural do Mindelo, palco 2 – ALAIM, o teatrolândia no Jotamont, teatro para crianças, actividades de rua e teatro nas escolas e comunidades.

Com a programação fechada, a organização está agora a trabalhar com os seus parceiros em São Vicente no sentido de rentabilizar ao máximo o espectáculo. “Boa programação para este ano de forma a premiar o público, com mais um grande festival de teatro”, frisa Daniel Monteiro.

João Branco, Director Artístico do festival frisa o facto de serem 22 anos ininterruptos do festival que ao longo dos anos tem trazido ao Mindelo uma diversidade de espectáculos de várias partes do mundo, com maior abrangência a nível lusófono, mas realçando o facto de não ser, nem nunca foi nem pretende ser um teatro lusófono. Com este novo formato, deixou de existir o palco principal.

“Somos possivelmente o único festival do mundo a não fazer qualquer distinção entre os grupos em nenhum aspecto”, afirma João Branco que diz ainda que são apresentadas aos grupos as mesmas condições e, por isso mesmo, orgulham-se disso, diversidade o mais alargada possível, não é nem nunca foi nem pretende ser um teatro lusófono, pois há grupos de outros países.

Refere ainda que será entregue, no primeiro dia do espectáculo, o prémio de mérito teatral a Flávio Amilton da companhia Art’Imagem de Portugal após o espectáculo BemMarMeQuer, que irá abrir a 22ª edição do Mindelact. Flávio Amilton, segundo João Branco, é o único cabo-verdiano a trabalhar nas artes cénicas fora de Cabo Verde.

Três estreias absolutas na programação, uma do Brasil e duas de Cabo Verde, sendo um deles um monólogo intitulado às Palavras de Jó que será protagonizado por João Branco que também se estreia como actor em monólogo. “Será um grande festival, estamos muito optimistas”.

Em termos de orçamento, a organização não deu qualquer montante sobre a realização do teatro, afirmando que, neste momento, estão a colmatar problemas das edições anteriores.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.