Santo Antão: Ministro das Finanças quer eficiência e serviços “mais amigos” dos cidadãos e dos contribuintes

11/08/2016 07:42 - Modificado em 11/08/2016 07:42
| Comentários fechados em Santo Antão: Ministro das Finanças quer eficiência e serviços “mais amigos” dos cidadãos e dos contribuintes

olavo correia 4O Ministro das Finanças, Olavo Correia, efectuou hoje uma visita a Santo Antão para conhecer “in loco” o funcionamento da Delegação Aduaneira e das Repartições das Finanças na ilha, que estão afectas ao seu Ministério.

Segundo Olavo Correia, é preocupação do Governo que os serviços das finanças sejam “mais amigos” dos contribuintes (cidadãos e empresas) e espera, com esta visita, aperceber-se do funcionamento dos mesmos e contribuir para que esse desiderato seja alcançado.

“Quero aperceber-me, exactamente, como funcionam os serviços nesta ilha e como posso, na qualidade de Ministro, intervir para que os mesmos possam funcionar com mais eficiência e mais qualidade e sejam mais amigos dos cidadãos”, explicou o governante à saída de um encontro de trabalho com o responsável da Delegação Aduaneira do Porto Novo.

Segundo indicou, os problemas encontrados na Delegação Aduaneira prendem-se com o próprio funcionamento dessa instituição e com as condições de trabalho dos funcionários, preocupações que vão ser atendidas a seu tempo.

Entretanto, esclareceu que em matéria de fiscalidade, o Governo tem dois objectivos fundamentais: aumentar a eficiência fiscal e prestar um trabalho de qualidade aos contribuintes.

“Para que isso aconteça, precisamos de ter funcionários motivados e com condições dignas de trabalho e com objectivos previamente bem definidos”, sublinhou o Ministro.

No âmbito da sua primeira visita a Santo Antão, Olavo Correia tem agendado ainda encontros com as Repartições das Finanças dos três Concelhos da ilha.

A partir desta quinta-feira e durante dois dias, o Ministro vai estar de visita a São Vicente.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.