Hugh Grant e a depressão depois das “30 massagens por dia”

9/08/2016 11:37 - Modificado em 9/08/2016 11:37
| Comentários fechados em Hugh Grant e a depressão depois das “30 massagens por dia”

hugh grantHugh Grant revelou que passou por um período de depressão em 2007. “Não consegui parar de chorar durante três semanas. Foi absurdo”, confessou.

As férias que Hugh Grant passou nas Maldivas, em 2007, foram maravilhosas. Tão maravilhosas que, quando acabaram e o trouxeram de volta à vida quotidiana, o ator britânico entrou em depressão. No programa da estação norte-americana CBS “Late Late Show with James Corden”, a estrela de filmes como “Nothing Hill” e “O Diário de Bridget Jones” falou sobre essa época.

“[Nas Maldivas] Cheguei a fazer 30 massagens por dia. Fiquei louco”, começou por dizer, recordando de seguida o momento em que entrou no avião para regressar a casa: “Abri o jornal para ver os resultados do futebol e comecei a chorar. Não consegui parar de chorar durante três semanas. Foi absurdo”.

Grant, de 55 anos, admitiu ter chegado a consultar um profissional de hipnose, em Inglaterra, mas sem sucesso. “Não conseguia relaxar. Fiquei tenso como um sapo”, brincou.

Durante a entrevista, o ator falou ainda sobre a paternidade. Grant é pai de Felix, John e Tabitha.

 

jn.pt

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.