Cabo Verde implementa o ensino à distância

27/07/2016 02:05 - Modificado em 27/07/2016 02:05
| Comentários fechados em Cabo Verde implementa o ensino à distância

ensino-a-distanciaO Conselho de Ministros aprova a regulamentação do Ensino Superior à distância, cujo objectivo é dar maior oportunidade aos jovens que terminam o secundário, colmatando o obstáculo das distâncias a que obriga o arquipélago de Cabo Verde, assegura o porta-voz do Conselho de Ministros, Fernando Elísio Freire.

“O que o Governo está a fazer é, de facto, cumprir um compromisso que tinha com os jovens cabo-verdianos, ou seja, de fazer a formação superior e pós-secundária chegar o mais perto possível de uma formação de proximidade e fazer com que a nossa natureza arquipelágica não seja um obstáculo no acesso ao Ensino Superior”, diz Fernando Elísio Freire em entrevista à Inforpress.

O porta-voz do Conselho de Ministros acrescenta que o diploma que rege o Ensino Superior à distância existe desde 2012, porém, ainda não estava regulamentado e esclarece que com a sua regulamentação, neste ano lectivo de 2016/17, esta modalidade de ensino será uma realidade cabo-verdiana. Desta forma, Fernando Elísio Freire salienta a questão financeira, uma vez que se quebra a “barreira financeira de muitos jovens que não conseguem ter acesso à formação pela questão arquipelágica”.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.