Guiné-Bissau: Receitas da exportação de caju pagam salários da função pública nos próximos meses

8/07/2016 09:01 - Modificado em 8/07/2016 09:01
| Comentários fechados em Guiné-Bissau: Receitas da exportação de caju pagam salários da função pública nos próximos meses

caju2015As receitas da exportação de caju vão garantir, nos próximos meses, o pagamento regular dos salários da função pública na Guiné-Bissau, garantiu o ministro da Economia e Finanças, Henrique Horta dos Santos.

A campanha de colheita e tratamento de caju decorre, anualmente, entre abril e setembro.

O país produz anualmente cerca de 200 mil toneladas de castanha de caju, segundo dados estatais, na grande maioria destinada ao mercado indiano.

De acordo com dados oficiais, quase 80% da população rural está envolvida na campanha de caju e depende dela para adquirir arroz, base alimentar dos guineenses.

A Guiné-Bissau tem vivido grande instabilidade política nos últimos tempos, com quatro governos em 11 meses.

 

abola.pt

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.