Cidadão Guineense diz que foi sovado e chamado de mandjaco por agentes da PN

7/09/2012 01:16 - Modificado em 7/09/2012 01:18

Um cidadão natural da Guiné Bissau alega que foi espancado por agentes da PN, da Esquadra Policial de Santa Cruz, na ilha de Santiago. José Carlos Silva apresenta lesões na face e na cabeça .Afirma que foi vítima de agressão policial e discriminação quando tentou apresentar uma queixa.

 

José Carlos Silva, natural da Guiné Bissau, residente no concelho de Santa Cruz, na ilha de Santiago, alega que foi espancado por quatro agentes da Esquadra Policial de Santa Cruz. De acordo com o cidadão, a sua detenção aconteceu quando pretendia apresentar uma queixa de um roubo.

José Carlos Silva afirma que “ na madrugada de domingo estava a assistir a um festival em Santa Cruz quando um individuo roubou-me a minha carteira, que continha quatro mil escudos. Ao ver o carro da PN por perto dirigi-me para apresentar uma queixa, mas os policiais portaram-se mal comigo, e depois quando respondi eles decidiram bater-me”

Depois desta situação, o cidadão diz que foi metido na viatura e levado para as imediações do centro de formação. Este assegura que não teve tempo de descer com os próprios pés, porque foi jogado para o chão.

A vítima reside há quatro meses no concelho de Santa Cruz, onde trabalha, mas garante que nunca ter cometido qualquer irregularidade.

José Silva diz acreditar que foi vítima de discriminação “não sou malcriado, pelo que não sei porque fizeram isso comigo, porque nem animal é sovado como eu fui. Porque bateram-me com a coronha da pistola, isso foi uma forma de tentarem me matar,porque disseram-me que sou manjaco, pelo que tenho que voltar para a minha terra.

O Comando da PN, em Santa Cruz, disse a RCV não ter conhecimento deste caso, porque o cidadão ainda não registou uma queixa na PN. Mas, assim que for apresentada a queixa, o Comando da PN vai apurar a verdade dos factos e caso venha a provar que houve agressão policial serão tomadas as medidas previstas na lei.

  1. observador

    esse cosa ja volta noticias do sul……………..

  2. não acredito pq hoje os policiais agem com toda a cautela e respeito pelas liberdades dos cidadãos

  3. alberto tavares

    Policia não é pulha mas também não pode ser santo. Hà que ver melhor o caso.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.