Fogo: suspeito a monte após explodir um carro da marca BMW

1/07/2016 08:01 - Modificado em 1/07/2016 08:01
| Comentários fechados em Fogo: suspeito a monte após explodir um carro da marca BMW

carroManuel Miranda, emigrante nos Estados Unidos, viu o seu carro explodir à porta da sua casa no bairro Achada São Filipe, na ilha do Fogo. Porém, este episódio de vandalismo não é único, uma vez que um táxi também já foi incendiado na mesma zona e até então os suspeitos não foram capturados pela polícia local.

 

O carro da marca BMW estava estacionado à porta de casa e o dono relembra que “cheguei por volta das 21h e, algumas horas depois, ouvi um estrondo quando estava a ver televisão. Quando ouvi o barulho pela segunda vez, saí à rua e vi fumaça no meu carro”. Entretanto, Manuel Miranda acrescenta que tentou impedir que as chamas destruíssem o veículo, mas sem sucesso porque o mesmo explodiu e ficou destruído devido ao incêndio que ocorreu por volta das 00h da quarta-feira, de acordo com a RCV.

O emigrante nos Estados Unidos relata que foi ajudado pelos vizinhos, porque os Bombeiros só chegaram três horas depois do ocorrido e critica a falta de meios da instituição. O mesmo está revoltado com o acontecido e assegura que “nunca mais coloco os pés na ilha do Fogo e aconselharei às pessoas para não virem à ilha do Vulcão”.

Manuel Miranda diz que têm quatro câmaras de vigilância e que se consegue ver o suspeito a passar com a cara tapada, apesar de desconfiar de quem seja o suspeito, mas o dono do BMW prefere deixar o caso para ser investigado pela Polícia Nacional. Entretanto, outro morador conta que também o seu táxi foi alvo de vandalismo e que a viatura foi queimada mas, até agora, os suspeitos não foram capturados.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.