Ex-recluso detido na posse de arma a caminho da Ribeira de Julião

1/07/2016 07:58 - Modificado em 1/07/2016 07:58

armaUm indivíduo que esteve recentemente a cumprir pena de prisão, sentou-se pela terceira vez no banco dos réus respondendo pelo crime de posse de arma de fogo. O arguido que se encontra a cumprir uma pena suspensa de dois anos, foi detido pela Polícia Nacional quando se dirigia à Ribeira de Julião para as festas de São João.

Segundo informações apuradas pelo NN, há menos de um ano que o arguido com vários antecedentes criminais, terminou de cumprir uma pena de 10 anos na Cadeia da Ribeirinha por conta de crimes de roubo e furto. O arguido que actualmente cumpre uma pena suspensa de dois anos, voltou a aquecer o banco dos réus desta vez por posse ilegal de arma de fogo.

O mesmo terá sido detido pela Polícia Nacional a caminho da Ribeira de Julião no âmbito das habituais rondas. Na sequência da abordagem, o indivíduo já conhecido pela PN devido às frequentes passagens pela esquadra, afirmou aos agentes da polícia que tinha recuperado a arma de uma pessoa do sexo masculino, ou seja, que se apoderou da mesma através de um “caçubody” perpetuado por ele.

Contudo, perante o Juiz, o arguido alegou ter encontrado a arma no chão na zona de Ribeira Bote onde decorria uma actividade. Incrédulo com as afirmações do arguido, o 2º Juiz Crime perguntou-lhe porque razão não entregou a arma à Polícia.

Apesar das tentativas, o arguido não soube explicar as razões de ter estado na posse da arma. Contudo, o Juiz acredita que o jovem não aproveitou os anos de prisão para uma reflexão, pois não conseguiu integrar-se na sociedade, limitando-se a cometer crimes.

Uma vez produzidas as provas, o Juiz agendou o veredicto final para o próximo dia 7 de Julho.

  1. Dje Guebara

    Tanta cantiflagem do individuo, porque näo dizem o nome dele e o foto para que as pessoas sabem defender-se de essos gatunos e rrateros.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.