Tráfico de droga no AICE: Brasileiro em prisão preventiva cidadão nacional em TIR

29/06/2016 08:23 - Modificado em 29/06/2016 08:23
| Comentários fechados em Tráfico de droga no AICE: Brasileiro em prisão preventiva cidadão nacional em TIR

drogasO brasileiro Alerson Cordeiro de 29 anos detido no passado sábado no Aeroporto Cesária Évora, foi conduzido à Cadeia da Ribeirinha onde vai aguardar pelo julgamento, enquanto que o cabo-verdiano Admir Cabral de 30 anos saiu em liberdade sob Termo de Identidade e Residência. O jovem está proibido de sair do País e terá que se apresentar à Polícia Judiciária três vezes por semana.

Alerson Cordeiro foi detido pela Polícia Judiciária no dia 25 de Junho ao chegar ao aeroporto Cesária Évora num voo proveniente do Brasil/Portugal/São Vicente. O indivíduo trazia 98 cápsulas de cocaína no estômago. Na tarde de segunda-feira, o arguido foi confrontado com os factos. Perante o 2º Juiz Crime e sem outra saída, o arguido confessou a autoria do crime.

Perante a situação, o Juiz entendeu aplicar a medida de coacção mais gravosa e conduzir o arguido à Cadeia da Ribeirinha onde deverá aguardar pelo julgamento.

Já o arguido Admir Cabral, natural da ilha de Santiago, só veio a ser interrogado na manhã desta terça-feira, 28, numa audiência que durou mais de três horas. Félix Cardoso que garantiu a defesa do arguido, preferiu não adiantar muito, informando apenas que o seu constituinte saiu em liberdade e que não tinha nada a comentar.

Apesar de não se conseguir provar o envolvimento do arguido, foi-lhe aplicado Termo de Identidade e Residência devendo apresentar-se à Polícia Judiciária três vezes por semana. O mesmo está impedido de sair fora do País.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.