A mensagem mais difundida em São Vicente: Proibido deitar lixo

24/06/2016 09:00 - Modificado em 24/06/2016 09:00
| Comentários fechados em A mensagem mais difundida em São Vicente: Proibido deitar lixo

foto provedor do mindelo1Provavelmente é a escrita mais popular nas paredes de São Vicente. E é fácil de encontrar uma versão em cada zona. Mesma que as escritas possam ser diferentes, o espírito da mensagem é o mesmo, não deitar lixo ou não usar os espaços para necessidades.

Apesar da mensagem estar amplamente divulgada, a satisfação com o cumprimento da mensagem não tem sido a melhor, segundo alguns entrevistados. A questão da recolha do lixo foi alvo de uma campanha de sensibilização por parte da edilidade durante as ações de comemoração do dia internacional do ambiente.

Num percurso por algumas zonas podemos notar os escritos como chamada de atenção. Os locais de chamada de atenção para não a não colocação de lixo tem sido pontos onde são colocados lixos e outras os atividades menos abonatórias para a saúde pública. “Acho que as pessoas precisam começar a ter outra mentalidade quando a limpeza da cidade”, como afirma Ivan Neves, em Monte Sossego, e acrescenta que “somente uma mudança de mentalidade que a situação vai mudar”.

IMG_20160622_105225“Todas as pessoas querem a cidade limpa mas tem que fazer muito mais”, como avança Jussara Fortes. Mora em Fonte Francês e acrescenta que se as pessoas seguirem algumas regras básicas não vai ter problemas com lixo espalhado nas ruas com cães a mexerem e a sujarem a cidade. Contentores e carros de recolha de lixo são suas sugestões. As diz como se as pessoas tem pressa e querem desfazer do lixo sem se preocuparem. “Basta tirar o lixo de sua casa, depois ninguém importa com o que vai acontecer”.

A avaliação da limpeza da cidade é positiva mas que deveria ser levada mais a serio. “Mindelo é uma cidade limpa, e penso que as pessoas reconhecem isso. Mas ainda há muito por fazer”, com diz André Santos, em Bela Vista. E enumera locais de despejo de lixo, o que o preocupa. E por isso diz que a culpa da sujeira que as vezes se verificam em várias zonas é culpa apenas dos cidadãos. E neste sentido reitera a mudança de mentalidades para que a cidade possa estar cada vez mais limpa.

Para o Vereador Anildo Fortes durante as ações do dia mundial do ambiente diz que o processo passa por “sensibilizar as pessoas para ter mais cuidado com os resíduos sólidos, mais consciência colocarem o lixo na hora da recolha”. E diz ainda que em vários pontos de cidade são necessários colocar guardas para evitar que as pessoas colocam lixo nas ruas.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.