David Cameron admite `buraco negro` nas finanças caso Reino Unido saia da UE

13/06/2016 08:31 - Modificado em 13/06/2016 08:31
| Comentários fechados em David Cameron admite `buraco negro` nas finanças caso Reino Unido saia da UE

London-wallpaper-30David Cameron, deu conta este domingo, em entrevista ao jornal `The Observer`, da possibilidade de o financiamento à Pensão de Fundos e o Sistema Nacional de Saúde (SNS) poderem estar em risco caso o Reino Unido saia da União Europeia (UE).

«Se sairmos da União Europeia, os peritos independentes e respeitados dizem que em 2020 vamos enfrentar um buraco negro nas nossas finanças públicas de até 40 mil milhões de libras [50,6 mil milhões de euros] e nessas circunstâncias o financiamento futuro do SNS pode estar em risco», referiu o primeiro-ministro.

Recorde-se que, no dia 23 de junho os britânicos vão às urnas para responder à questão sobre se o Reino Unido deve continuar na União Europeia.

 

abola.pt

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.