Novos Delegados da Educação serão nomeados nos próximos dias

6/06/2016 08:48 - Modificado em 6/06/2016 08:48

educaçãoA nomeação dos novos Delegados da Educação acontece dentro de dias, garante o Ministério da Educação, Família e Inclusão num comunicado enviado à imprensa. Para já, os critérios a terem em conta são: o “bom desempenho como profissional da educação, o prestígio e a boa imagem na comunidade educativa, a formação específica ou experiência nas áreas de gestão, planificação, coordenação ou avaliação da educação, respeito pela paridade de género na composição final da equipa”.

Nos próximos dias, o Ministério da Educação, Família e Inclusão dará a conhecer os nomes escolhidos para delegar a área da educação nos Concelhos do País.

Conforme os critérios traçados pelo MEFI, o delegado escolhido deve ter “bom desempenho como profissional da educação, prestígio e boa imagem na comunidade educativa, formação específica ou experiência nas áreas de gestão, planificação, coordenação ou avaliação da educação, respeito pela paridade de género na composição final da equipa”.

Portanto, exige-se uma renovação dos recursos humanos a nível local para “imprimir nova orientação à gestão dos serviços e modificar as políticas educativas podendo, assim, contar com profissionais que se encaixam nos pré-requisitos defendidos e que assumam a função de representante máximo do Ministério da Educação nos respectivos Concelhos e sejam capazes de materializar as medidas de política do Governo no domínio da educação”.

Segundo o comunicado, a nomeação dos novos delegados vai respeitar um conjunto de critérios e as medidas vão ao encontro dos paradigmas educativos expostos no programa do Governo da nona legislatura e prendem-se com a necessidade de satisfazerem novos desafios que se impõem.

  1. Joana Inês Sá

    Ainda bem. Viva a mudança! O Paicv não brincava em serviço. Todas as nomeações tinham de ser para os seus militantes. Até dp pessoal menor ou auxiliar. Todos de tinham de ser em primeiro lugar, seus militantes confessos. Se não, não havia emprego. Daí a “infestação” partidária no funcionalismo público

  2. José Espião

    A nomeação de novos Delegados é uma das melhores medidas a serem tomadas para o bom do ME. não se esqueçam que todos ou quase todos os senhores Directores das E.Secundárias, gestores dos Pólo Educativos e os elementos das equipas pedagógicas devem ser mudadas e introduzir uma nova dinâmica e orientação nesses órgãos para podermos dar um salto qualitativo na modernização do educação em Cabo Verde. tenho dito!!!

  3. Francisco andrade

    aguardamos a publicação da lista dos novos diretores das Escolas Secundárias e dos gestores dos pólos do E.B.I do país.

  4. cabo verde di nós tu

    Sem extremismos. Afinal a prática está sendo contrária ao que se tinha afirmado nos discursos de campanha e de vitória. É isso que é ” nha partido é c. verde? ” .

    Assistimos hoje o regresso ao “rabentolismo” do MPD da época veiguista.

    Agora cuidado para não haver retaliação, valendo as vítimas da perseguição MPDISTA de todos os meios. TAMBÉM TENHO DITO. O PAICV não fez e não faria o que se assiste agora. E com o andar da carruagem todos os simples funcionários que têm uma outra preferência política serão perseguidos. Mas tomem cuidado, vCS do MPD. Ninguém vai-se responsabilizar pela natureza da retaliação que vos possa acontecer.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.