Autárquicas 2016: Óscar Santos deve suceder a si próprio na Praia

13/05/2016 13:20 - Modificado em 13/05/2016 13:23
| Comentários fechados em Autárquicas 2016: Óscar Santos deve suceder a si próprio na Praia

 

Oscar-SantosSe dúvidas houvesse na mente de alguns incautos, elas agora estão completamente dissipadas. É que Óscar Santos, atual presidente da Câmara Municipal da Praia (CMP), ganharia as eleições autárquicas, pelo MpD com, entre 55 e 64,9 por cento das intenções de votos, se as eleições fossem agora.

De acordo com as sondagens da empresa Pitagórica, a mesma que fez os estudos das intenções de votos nas últimas eleições legislativas, que deram a vitória retumbante ao MpD, “se as eleições autárquicas se realizassem neste momento, Óscar Santos, enquanto candidato pelo MPD, seria o vencedor, recolhendo a maioria dos votos, entre 55,9% – 64,9%”, lê-se no estudo que o Notícias do Norte (NN) teve acesso.

O referido estudo dá conta, ainda, que o PAICV, com o candidato Antero Veiga registaria entre os 19,4 e 28,4 por cento das intenções de votos, apesar de um crescimento significativo face ao resultado conseguido nas legislativas de 20 de Março. Já o candidato da UCID, Austelino Moreira não iria além dos 0, e 5,1 ponto percentual.

Segundo as opiniões dos praienses e, contrariamente, ao que se tem propalado na praça pública, Óscar Santos deve suceder a si próprio à frente da CMP para, entre outros compromissos, dar continuidade ao trabalho desenvolvido até agora pela equipa do ex-autarca Ulisses Correia e Silva.

Praienses avaliam positivamente atual edil

A atuação de Óscar Santos à frente da CMP é avaliado positivamente pela esmagadora maioria dos praienses, com 89 por cento dos entrevistado a afirmarem que o atual edil da Praia é o que tem o melhor perfil para continuar os projetos de soluções para a maior autarquia do País. Igualmente, “apesar de identificarem problemas no Concelho, a maioria dos eleitores considera-se satisfeita ou complemente satisfeita, de uma forma geral, com o Concelho (68,5%) ”, sublinha, ainda, o estudo da empresa que vimos citando.

As áreas de transportes e acessibilidades, cultura e lazer, economia, serviços prestados e apoios prestados são, para já, de acordo com os estudos da Pitagórica, as que mereceram uma avaliação muito positiva dos munícipes da Praia.

Instado a pronunciar-se sobre estas sondagens, Óscar Santos diz que não quer comentar os resultados das sondagens, mas foi deixando escapar que a empresa autora destes estudos é a única credenciada no País e a mesma que fez os estudas que deu vitória ao MpD nas legislativas de 20 de Março. “Neste momento preocupo-me com os trabalhos que temos em curso e pensar nas melhores soluções para Praia, até ao último dia do meu mandato. Entretanto, como, de resto, já tive a oportunidade de dizer, estou disponível para dar continuidade ao trabalho realizado por esta equipa, anteriormente liderada por Dr. Ulisses Correia e Silva e agora por mim” afiança Óscar Santos.

Recorde-se que a amostra do estudo da Pitagórica recai sobre o universo de 500 inqueridos, representando um grau de confiança de 95,5 por cento, com uma margem de erro de mais ou menos 4,5 por cento.  As entrevistas foram feitas entre os dias 23 Abril e 6 de Maio de 2016.

Carlos Sá Nogueira

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.