Soldado Entany está sob tutela Militar

30/04/2016 00:30 - Modificado em 30/04/2016 00:30

PrisaoEm cumprimento da lei cabo-verdiana o soldado suspeito de assassinar onze pessoas no destacamento militar de Monte Tchota está sob tutela militar. Ele foi detido ao início da tarde de quarta-feira, esteve apenas nas instalações da Polícia Judiciária, na cidade da Praia, a aguardar transferência não tendo prestado quaisquer declarações.

Manuel António Silva Ribeiro, de 22 anos, militar do destacamento do centro Retransmissor de Monte Txota, no concelho de São Domingos, é suspeito da morte de oito colegas militares do mesmo destacamento e três civis, incluindo dois cidadãos espanhóis.

O suspeito, detido ao início da tarde de quarta-feira num bairro da cidade da Praia, deverá ser presente a tribunal hoje.

O jovem deverá ser julgado num tribunal militar.

A chefia do Estado Maior das Forças Armadas mantém o silêncio sobre este caso. Da parte do governo o ministro da defesa já anunciou a abertura de inquérito.

  1. Francisco andrade

    Suspeito não. Culpado, pois que fotografou as vítimas no telemóvel, mostrou as fotos a família . Resta saber se praticou estes atos bárbaros sozinho, ou se teve ajuda.

  2. michael

    É triste vermos esta alienação para a resposta mais fácil ou seja motivos pessoais! Que motivos pessoais? Não se disse!Isto é triste! Incapacidade na area de investigação criminal. Onde estão os sargentos e praças que foram assassinados para dizerem que efectivamente, maltrataram o assassino? O assassino a dizer que foi maltratado e que vingou, paxanxa na mundu, os mortos não nos falam por isso e por incompetencia, resignamos e aceitamos o mais fácil para a compreensão humana e dificil para nós. O serviço investigativo terminou. ” coba fundo bom interru”. Incompetencia Nacional! Quais razões pessoais? Alguém disse e nós repetimos, a coisa é simples assim. Porraaaaa!!!!!!! Palhaçada! O sargento falou com alguém no Comando da 3ª Região Militar antes de ser morto ou isto é um teatro? Quem disse que o Sargento “morto e interrado”, disse que castifgou o crimonoso mentiroso. Isto prova a desorientação e incompetencia para se assumir tudo o que disse o assassino. Onde está o Serviço de Informações Militares (SIM) metido nisto? Incompetencia?! Andam a esconder coisas da sociedade e todo o mundo anda a especular e a dizer o que pensa e sabe. Lástima. Paxenxa na mundu! Então a investigação chegou ao triste fim, maltrataram-me e eu fuzilei-os todos e mais os civis. E o que vão fazer comigo? Pergunta oa assassino! Porque tenho os meus direitos e deveria ter matado mais, só que uns amigos de peito que pagam bem me disseram que me iam intregar na policia pacificamente sem chatices e que seria julgado e me dariam uns meses de férias com algum sol e regressaria à vida civil para fazer mais trabalho. Ah, ia-me esquecendo, o CEMFA também ia pro tapete e um lembesco perseguidor de subordinados soberia o poleiro.
    Levem-me a sério por favor! Pareço um palhaço mas tenho a certeza de que não sou porque já disse a estes três todoa a história ou seja de que comigo ninguém se brinca porque senão dorme e jamis se acorda. O assassino está a acusar pessoas que jamais poderão dizer o que efectivmente se passou. Pensem nisso!

  3. michael

    UIIIIIIIIIIIIII! Eu sou competente, vou levar o Estado Maior das Forças Armadas para São Vicente, como fiz a asneira de enganar os ignorantes Cristina Fontes e aquela fruta “Tambra”, um atrasado de 1ª e criaram aquela porcaria de que o Comando iria ficar em São Pedro, porra! Caros subordinados eu vosestimo muito e a culpa não foi minha, até porue viram com é que estes palhaços perderam as eleições. Votem em mim eu só vos maltrato de vez em quando ou seja quando vos vejo, porque estarewi sempre em viagens. O BEDJA é pior do que eu, ele me acusa de uma pistola Makarov desparecido e eu lhe acuso de oito mil e tal contoc roubados da Guarda Costeita, Tenente-coronel Alcides Miranda, agora inspector das Forças Armadas, posição que nunca deveria chegar, deve justificar os oito mil e tal contos desparecidos na Guarda Costeira, como dizem os oficiais, sargentos e praças. Uma cois é certo ele não os vAI MATAR

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.