Líderes das Comunicações Lusófonas debatem em Luanda a Transformação Digital na Era do Consumidor

26/04/2016 08:49 - Modificado em 26/04/2016 08:49
| Comentários fechados em Líderes das Comunicações Lusófonas debatem em Luanda a Transformação Digital na Era do Consumidor

digitalRealiza-se nos próximos dias 3 e 4 de maio em Luanda (Angola), no Hotel Trópico, a Assembleia- Geral Anual e o XXIV Fórum AICEP das Comunicações Lusófonas 2016 organizado pela Associação Internacional das Comunicações de Expressão Portuguesa (“AICEP”), este último com o tema “A Transformação Digital na Era do Consumidor”.

Estes eventos vão reunir Presidentes, CEO’s, Administradores, Altos Diretores e outros Dirigentes das empresas operadoras de Comunicações (Correios e Encomendas, Telecomunicações e Conteúdos de Televisão) e dos Órgãos Reguladores do Sector Membros da AICEP, dos 9 Países e Territórios de Língua Oficial Portuguesa (Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Macau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste) que constituem o universo desta importante Associação Internacional.

Nos últimos 5 anos iniciou-se a Era do Consumidor, na qual as forças tecnológicas e económicas colocaram os clientes no controlo das suas interações com os negócios. Esses negócios, na esperança de compreender e servir os clientes numa economia global e digital, estão quase todos a passar por uma transformação digital que envolve o realinhamento e o investimento em novas tecnologias e modelos de negócio com um enfoque específico na experiência do cliente. A experiência do cliente é a base da transformação digital que, sendo uma prioridade das empresas, tem hoje como principais estimuladores, não propriamente a receita – como era no passado – mas a rentabilidade/margens; a satisfação do cliente e a rápida comercialização de produtos e serviços.

Contudo, a transformação digital é um processo complexo que cria algumas incertezas que é indispensável combater; é preciso haver disponibilidade para correr riscos; aprender-se com os erros e tomar medidas reiteradas de forma a implementar-se uma nova cultura, novos processos e novas e melhores tecnologias que permitam às empresas competir nos mercados modernos em que atuam.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.