Vitimas vão ter casa de abrigo

30/08/2012 07:09 - Modificado em 30/08/2012 07:09
| Comentários fechados em Vitimas vão ter casa de abrigo

Brevemente as vítimas da violência doméstica vão ter uma casa de abrigo com a ajuda da ONU e do governo de Cabo Verde para o auxílio no combate a violência baseada no género.

 

Hortalina Pereira presidente do Instituto Caboverdiano de Igualdade e Equidade do Género disse que “o ICIEG vai receber 5 mil dólares do fundo enviado pela ONU e já existe financiamento por parte do governo para criação de uma casa de abrigo que vai albergar as vitimas da violência doméstica”.

A presidente afirma que “já temos uma casa identificada a nível nacional onde vai ser instalada a primeira casa de abrigo de Cabo Verde e está previsto para esse ano” e que o montante disponibilizado vai ser implementado num projecto durante 3 anos e está assente nas seguintes componentes “a primeira componente tem a ver com a prevenção, o segundo com o reforço institucional das estruturas que estão na implementação da lei e a terceira com o aumento da prestação de serviços a nível nacional”.

Hortalina Pereira acrescenta ainda que “temos adoptado outras estratégias para colmatar essa dificuldade de ainda não termos uma casa de abrigo, temos algumas casas de passagem e estamos a tratar junto do estado a identificação de mais casas de passagem”.

Hortalina Pereira garante que as vítimas da violência doméstica tem recebido sempre apoio da instituição quando é necessário alberga-las.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.