Sal: Jovem que violou irmão, acusado de violar vizinho menor

14/04/2016 08:21 - Modificado em 14/04/2016 08:21

abuso menoresUm jovem que violou o próprio irmão menor na ilha do Sal, está a ser acusado de ter agredido sexualmente uma criança do sexo masculino, vizinho do suposto agressor. Armindo Teixeira, pai da vítima, promete fazer justiça com as próprias mãos caso a justiça não venha a ser feita atempadamente.

O filho menor de Adriano Teixeira foi supostamente agredido sexualmente por um jovem residente na mesma zona de Palmeira, ilha do Sal. Conforme noticiou a RCV, o caso terá ocorrido em Janeiro deste ano, quando a vítima saiu para colocar o lixo no contentor tendo sido agarrada e molestada pelo jovem.

Dias depois, os pais vieram a ter conhecimento do sucedido tendo conduzido o menor ao hospital onde receitaram um gel para um curativo. Contudo, o suposto agressor continua em liberdade, uma situação que levou à revolta dos familiares da vítima.

Conforme o pai da vítima, o agressor supostamente cometeu o crime com outras crianças, uma vez que violou o próprio irmão.

Segundo relatou o pai da vítima à RCV, o caso está a ser seguido pelo Tribunal do Sal, mas considera moroso o desenrolar do processo enquanto que o agressor goza tranquilamente da sua liberdade. O mesmo afirma que caso não seja feita justiça, terminará os seus dias na Cadeia porque fará justiça com as próprias mãos.

  1. Nita Fortes

    Este individuo é perigosissimo e deve ser preso, de preferência, com os reclusos com mai tempo na cadeia. Ali pode esperar todo o tempo, sem pressas, porque ao sair fica sem gosto para repetir as violções. A estadio no lugar e com a companhia é como uma terapia.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.