Moradores de Calabaceira sofrem penúria de água há mais de uma semana

1/04/2016 08:36 - Modificado em 1/04/2016 08:36
| Comentários fechados em Moradores de Calabaceira sofrem penúria de água há mais de uma semana

sem aguaA falta do bem potável mais precioso, a água tem deixado os moradores da zona de Calabaceira na cidade da Praia em desespero, pois há mais de uma semana que não vêem um gota de água nas redes. Os entrevistados têm-se desenrascado com a água vendida nos chafarizes e muitos só conseguem esse bem depois de percorrerem longas distâncias.

Os moradores da zona de Calabaceira, Praia, sofrem penúria de água há mais de uma semana. Nas redes das casas, nem sinal de gota de água e os moradores dizem-se preocupados com a situação e obrigados a percorrem largas distâncias para conseguirem água.

Os entrevistados pelo NN adiantaram a este online que a falta de água nas redes é uma situação frequente na zona, por isso, são obrigados a recorrem aos chafarizes para conseguirem água a um preço mais alto. Cada “bóia” custa 20 escudos e pode até ir até aos 30 escudos.

Zinha, uma das moradoras entrevistadas pelo NN, afirma que a penúria de água sempre foi um problema para essa população. Tendo em conta que a maioria dos moradores estão sem água em casa, a “bicha” para conseguir água é bastante comprida e todos os moradores aproveitam para levar o máximo de água possível, uma vez que ainda não há uma previsão para a chegada da água nas redes.

Em entrevista ao NN, Lena diz que quando não há água nas redes é ela quem socorre os moradores com uma ou duas “bóias” de água porque já conhece a situação. Quando falta a água, as mães chefes de famílias ficam desesperadas e por vezes, a única solução para satisfazer a necessidade de água é abastecerem-se noutras zonas.

O problema de abastecimento de água nesta zona é deveras preocupante, portanto, os moradores apelam por mais atenção para a zona e que as autoridades resolvam os seus problemas de uma vez por todas.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.