UCID acusa a CNE de incumprir lei em relação à nomeação dos membros da mesa de voto em SV

15/03/2016 07:58 - Modificado em 15/03/2016 07:58

UCIDA União Cabo-verdiana Independente e Democrática acusa a Comissão Nacional das Eleições de incumprimento da lei do Código Eleitoral agindo de forma tendenciosa excluindo o partido das 86 mesas de voto na ilha de São Vicente, lesando e prejudicando o partido. Assim sendo, a UCID exige uma explicação por parte da CNE.

Em conferência de imprensa na tarde desta segunda-feira, 14, o Vice-presidente da UCID e candidato a Deputado, João Luís, acusou a Comissão Nacional de Eleições – CNE de incumprimento da lei. O facto deve-se à nomeação de apenas 54 efectivos da UCID deixando de fora 86 mesas de voto em São Vicente.

João Luís diz não entender como é que a CNE tem interesse em afastar o partido de 86 mesas de voto e lamenta dizendo que a nomeação das mesas de voto na ilha de São Vicente foi feita de forma “tendenciosa e não entende a razão nem os critérios que levaram a CNE a proceder dessa forma”.

O Vice-presidente adianta que a UCID entregou à CNE uma lista de 150 nomes para o cargo de presidente, secretário e escrutinador, pessoas com licenciatura, bacharéis, universitários e pessoas com o 12º ano para integrarem as mesas de voto, porém, apenas 52 efectivos da UCID foram aceites.

Segundo o artigo 143º do Código Eleitoral em vigor, “as mesas de voto devem ser constituídas procurando a CNE, na composição das mesas de assembleia de voto, assegurar o pluralismo velando para que em cada mesa participem pessoas propostas por diferentes candidaturas e no conjunto das mesas de voto de cada Concelho ou País haja uma participação equitativa de pessoas propostas por todas as candidaturas”.

O mesmo considera que a UCID sente-se lesada e prejudicada e alertou aos responsáveis da CNE para assumirem todas as responsabilidades advenientes de eventuais constrangimentos e apela uma explicação por parte da CNE.

  1. LPM

    Para entender a reclamação da UCID deveriam dizer o número de mesas de voto em S. Vicente e a percentagem que coube á UCID, ao PAICV e ao MpD. Pelos números, poder – se – á dizer que em S. Vicente há 138 assembleias de voto e que á UCID está presente em 38 % ?

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.