Santo Antão: UCID pretende dar maior atenção ao sector das pescas

9/03/2016 07:58 - Modificado em 9/03/2016 07:58
| Comentários fechados em Santo Antão: UCID pretende dar maior atenção ao sector das pescas

pescadores da Ponta do SolRebater os contratos de concessão de pesca em Cabo Verde e obter benefícios para o povo das ilhas é o que pretende a União Cabo-verdiana Independente e Democrática, afirma o  seu mandatário  em Santo Antão, António Fernandes, na sequência dos contactos que tem feito com a população da ilha.

A equipa da UCID em Santo Antão continua a encetar contactos porta a porta com a população da ilha. Preocupada em melhorar as condições de vida do povo das ilhas, a UCID pretende dar melhor atenção ao sector das pescas.

António Fernandes, mandatário da UCID em Santo Antão, considera que os acordos de pesca assinados com a China e o Japão têm vindo a prejudicar os cabo-verdianos com o preço do peixe bastante elevado por causa da escassez do peixe nos mares de Cabo Verde.

Explica que isso acontece devido aos contratos de concessão de pesca com a União Europeia que têm facilitado a caça aos peixes das nossas águas, pois possuem capacidades para maior captura de peixes.

Embora reitere que com esses contratos de pesca o País ganha muito dinheiro, todavia, não chega aos mais pobres que pouco ou nada conseguem comprar de uma cavala, pois com a escassez do peixe, o produto torna-se ainda mais caro dificultando as pessoas com menos poder de compra.

“Queremos sim acordos de pesca mas também queremos contrapartidas para os pescadores e as peixeiras”. A UCID propõe rebater os contratos de concessão de pesca assinados pelo Governo com a União Europeia e dar maior atenção ao sector das pescas criando condições para gerar postos de trabalho.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.