JMN também está surpreso com a penhora do Boeing da TACV

4/03/2016 08:20 - Modificado em 4/03/2016 08:20

JMNO primeiro-ministro  continua convencido que os problemas da TACV tem solução pese os factos insistirem em mostrar o contrário, como foi o caso do arresto de uma avião da companhia na Holanda para garantir o pagamento de dívidas. E ontem garantiu  à Comissão dos Trabalhadores da TACV que o Governo está empenhado em encontrar uma solução global para resolver os problemas que a transportadora aérea cabo-verdiana enfrenta no momento.

JMN mostrou-se surpreso com o arresto do Boeing e garantiu que o seu governo está empenhado em encontrar uma solução para resolver os problemas por que passa a empresa.

“Estávamos em negociações e já tínhamos resolvido as dívidas em 75%”, observou o primeiro-ministro, para quem a TACV é um “grande activo” de Cabo Verde que está a passar por “momentos de turbulência”.

“Estamos a trabalhar para garantir que a empresa continue a laborar sem grandes sobressaltos para conseguir garantir os postos de trabalho e que Cabo Verde continue ligado ao mundo”.

  1. Francisco andrade

    cansei

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.