Jovem condenado a pena de multa por roubar cartão de consumo numa discoteca

16/02/2016 07:57 - Modificado em 16/02/2016 07:57

marteloUm jovem que roubou um cartão de consumo na discoteca Pimp´s no passado dia 31 de Janeiro, foi condenado a uma pena de multa de oitenta dias de multa.

O Tribunal de São Vicente sentenciou na manhã desta segunda-feira um jovem acusado da prática do crime de furto simples. No dia 1 de Janeiro, o arguido terá subtraído um cartão de consumo na Discoteca Pimp´s tendo consumido juntamente com um amigo.

Durante a revista, o cartão veio a ser encontrado dentro das botas do arguido que tinha negado a prática do crime.

O jovem que estava a ser julgado juntamente com um outro comparsa viu a pena cair-lhe sobre as costas. O Juiz entendeu condená-lo a uma pena de multa de oitenta dias de multa na razão de cinquenta dias de prisão.

O Juiz entendeu absolver o segundo arguido por não provar o seu envolvimento no crime.

  1. Maria Teresa

    O crime compensa em determinadas esferas sociais .A justiça não é imparcial em julgar mesmo tipo de crime. Há tempos julgou um caso de roubo e violência sobre coisas , e foi pena suspensa por considerar que a arguida sofria de doença de foro psicológico incontrolável, ela que roubou chaves de uma casa e foi lá roubar dinheiro em plena luz do dia…Se o rapaz fosse da “morada “seria considerado doente ou ainda que estava bêbado. Isto é uma vergonha!República das bananas.

  2. Durão

    Quantos casos a espera de ser julgados no tribunal de S. Vicente e este tribunal vem julgar um caso de um simples furto de um cartão de consumo e condenar um jovem que com certeza nunca tinha colocado os seus pés dentro de um prisão a 50 dias de cadeia isso é uma autentica palhaçada. Devia ter-lhe colocado a fazer serviço comunitário e coisa assim do género mas mandar para prisão?

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.